Um dos mais sérios erros dos defensores da 'teologia da prosperidade' é orientar seus seguidores a barganharem com Deus, como se uma oferta ou um dízimo fosse o suficiente para que Deus se tornasse nosso devedor. Muitos têm tratado estas e demais contribuições como 'investimentos', como um 'toma-lá-dá-cá', como se Deus se prendesse a gestos feitos pelos homens.
'Amou a maldição; ela o apanhe; Não quis a bênção; aparte-se dele. Vestiu-se de maldição como de uma túnica: penetre como água, no seu interior nos seus ossos, como azeite.'  Salmos 109:17-18
Deus não predestinou quais pessoas escolheriam cumprir a estas condições de salvação. Cada pessoa determina esta parte. O sangue de Cristo é adequado para salvar a todos e o apelo do evangelho é dirigido a todos. Deus quer que todos sejam salvos...
É impossível considerar a doutrina da predestinação sem darmos lugar ao entendimento das outras doutrinas, ou seja Preordenação, Predeterminação, Premonição, Eleição, Predestinação, e Chamada, são permutáveis ou sinônimas. Mas doutrinariamente cada uma destas palavras tem um significado diferente.
Sempre quando o assunto é o Rock, pastores e líderes eclesiásticos, torcem o nariz, avessos a qualquer tipo de opoio ou condescendência ao ritmo. Normalmente fazem aquela pesquisa na internet que aborda o tema e condenam o ritmo como música do inferno.
'As doutrinas são dos homens. Os dons vêm de Deus'. Creio que muitos irmãos (mulheres e homens) ainda não aprenderam que Deus adotou o princípio da prioridade, quando deu ao homem a incumbência de liderar a família e o ministério.
A teoria calvinista a respeito da predestinação diz que Deus escolheu os que haviam de se salvar e condenou os demais à perdição eterna, independente do desejo dos indivíduos.
'Cair no Espírito', 'Renovo' ou 'Visitação' são os termos mais comuns usados para referir-se ao desfalecimento experimentado por uma pessoa ao ser ungida com óleo ou ao receber uma oração, com ou sem imposição de mãos.
Se reencarnar é encarnar novamente em outra vida depois que se morre, como que João Batista seria a reencarnação de Elias se o profeta Elias ainda não morreu? Ele foi levado pelos mistérios de fogo de Deus na frente de várias pessoas como testemunha deste fato...
É comum nos dias atuais, a aplicação por diversas igrejas e crenças deste suposto método de libertação. O pensamento é que os pecados dos ancestrais estão sobre as futuras gerações e seria necessário, portanto, a quebra destas maldições hereditárias.
A Bíblia é bem clara ao afirmar que uns irão para o tormento eterno e os justos para a vida eterna. Não há outro lugar ou outro destino.


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!