Muitas vezes nos perguntamos o porquê do estudo bíblico, não seria o suficiente para nossas vidas as pregações e palavras ditas nos cultos? Desprezar os ensinos bíblicos é o mesmo que desprezar uma lanterna em um túnel totalmente escuro, cujo qual você precisa atravessar, em outras palavras é o mesmo que desprezar o caminho para a salvação
A história do profeta Jonas é bem curta e diferente dos demais profetas do Antigo Testamento. Ele pode ser considerado um missionário, o primeiro a proclamar pessoalmente, arrependimento a uma nação gentia. Jonas dormiu no porão do barco, mas acordou no ventre do peixe. É quase cômica a forma como tudo acontece, até que se torna trágico. Alguém de íntimo relacionamento com Deus, imaginar que pode fugir de Sua presença.
Os salvos em Cristo não podem se comportar de qualquer maneira, isso porque a vida do crente demanda um procedimento ético. Na lição de hoje trataremos a esse respeito, destacaremos, a princípio, a consistência, a cooperação e a confiança como características do verdadeiro cristão. Em seguida, mostraremos as marcas espirituais com vistas à unidade do Corpo de Cristo. Reconhecemos a condição de membros da família de Cristo, filhos do mesmo Pai (Fp. 1.1-11), e de servos com a responsabilidade de partilhar o evangelho (Fp. 1.12-26), mas somos também soldados, em uma batalha espiritual, em defesa da fé. A esse respeito destacou Judas, em sua Epístola, exortando os crentes a pelejarem pela fé que uma vez foi entregue aos santos (Jd. 3). Estejamos alerta, pois, conforme advertiu Paulo a Timóteo, a apostasia dos últimos dias da igreja já é evidente (I Tm. 1.11)
Como pregar a Cristo no Antigo Testamento. Em cada texto da Escritura há uma estrada para Cristo. Poderíamos providenciar muitos exemplos. O Antigo Testamento com certeza profetiza sobre a vinda de Jesus como o Messias! As profecias sobre Jesus Cristo. Textos baseados em pesquisa histórica antropológica arqueológica e filosófica
Notem que nos versículos em epígrafe, Gideão faz um sacrifício ao Senhor, mas no versículo seguinte o Senhor, na mesma noite, lhe pede outro sacrifício. Então perguntei ao meu Senhor. Por que pediste outro sacrifício a teu escolhido? O primeiro não valeu?
O povo de Israel, sendo oprimido pelos midianitas (Jz 6 1-10), clamou a Senhor e o Senhor enviou-lhes um profeta que prometeu-lhes livramento. Deus poderia usar os exércitos celestiais para tal livramento, mas esta tarefa é imposta aos homens especialmente, como nos dia de hoje, a pregação do Evangelho. Não fujamos de tal compromisso, sou eu, é você, somos nós quem Deus quer e vai usar para fazer a sua obra. Alguém pode contestar e dizer: quem somos nós para tal tarefa? Achas que és muito diferente de Gideão? Gideão não era tão valente quanto alguns pensam, se fosse não estaria no lagar malhando trigo escondido dos midianitas, no lagar não é o lugar correto para malhar trigo, no entanto ele não era covarde como aqueles que voltaram para trás (Jz 7.3)
Resilência é a capacidade de certos objetos de voltar ao normal depois de submetido à prova, estresse e tensão, exemplos: os elásticos, as varas de salto em altura se vergam sem quebrar e depois retorna à forma original. As fibras de um tapete de nylon elas recuperam a forma assim que acabam de ser pisadas e amassadas. O material em prova mostra sua plasticidade e elasticidade. Os objetos deformados por uma força externa voltam ao estado natural quando esta mesma força é cessada. A Resilência espiritual é igual o cristão ele consegue voltar ao normal depois da prova, da luta, da dor, do acidente
Se a pergunta é Quem somos nós para questionarmos a Deus? Então a luz da bíblia eu te pergunto: Quem é você na casa de Deus? botija de honra ou botija de desonra? Botija de alegria ou botija de tristeza? Botijas cheirosas ou fétidas?
Após uma forte experiência espiritual, Deus ordenou a Gideão que derrubasse o altar de Baal e erguesse ali um altar dedicado a seu nome. Gideão orientado pelo Senhor separou 300 homens e surpreendeu os midianitas sob a escuridão da noite triunfando sobre o exército inimigo. A Bíblia relata a saída do exército para a batalha e aponta para o fato de que os que estavam com Gideão gritaram - À espada, pelo Senhor e por Gideão! O Texto bíblico que relata a saída do exército para a batalha aponta para o fato de que os que estavam com Gideão gritaram
Texto Lindo. Mensagens e Pensamentos Lindo. O texto que procura Lindo para ler e compartilhar. Vamos bradar, Vamos cantar Viver é melhor!. Vamos bradar, Refrão Vamos cantar. Por Amor à vida! Devemos, todos nós, Viver com responsabilidade. Que texto lindo, sensível e humano. Você é uma pessoa muito iluminada. Parabéns pela iniciativa. Que de alguma forma vem para nos preencher, nos transbordar, compartilhar a vida. Amigos de verdade vai te apoiar, chorar tua tristeza, sorrir tua alegria. Frases e pensamentos de Felicidade e Vida e Amor. Podemos acreditar que tudo que a vida nos oferecerá no futuro é repetir o que fizemos ontem e hoje. Frases, mensagens, textos e poemas Felicidade e Vida e Amor no Pensador. Você gosta de se emocionar lendo mensagens e textos bonitos? Aprecie e compartilhe uma coletânea de belos textos dos melhores autores
A fé tem uma inimiga declarada: a dúvida. Essa palavra no grego se traduz como “diakrino” (strong 1252) significando: separar dois elementos, componentes ou valores. Também sugere hesitação entre esperança e medo. Dúvida gera conflito, incerteza. Apostolo Tiago compara um coração duvidoso às ondas do mar, levadas de uma direção a outra pela força do vento Tg 1:6. Na filosofia, dúvida é principio de sabedoria, porque através dela se estabelece métodos que conduzirão a respostas concretas. Descartes é o criador da “duvida metódica” que sugere duvidarmos de tudo para enfim chegarmos a certeza das coisas: “penso, logo existo”, é a máxima do pensamento cartesiano, que coloca a razão no centro do viver. "Eu duvido, logo penso, logo existo".
Houve um tempo onde somente a nação de Israel, de acordo com a Lei de Moisés, tinha acesso à presença de Deus em seu templo, em Jerusalém. Em Cristo, Deus aproxima as pessoas de dois modos importantes. Primeiro, ele reúne judeus e gentios um ao outro 'em um só corpo com Deus'. Segundo, ele aproxima as pessoas de Deus, dando-lhes 'acesso ao Pai em um Espírito'. Mas Deus, cheio de graça e misericórdia, enviou seu Filho para sofrer o castigo da morte que nós merecíamos por nossos pecados (2:4-5). Pela graça de Deus, aqueles que estão em Cristo foram ressuscitados de seus pecados junto com ele, e lhes foi dada vida junto com ele. Aqueles que estão "em Cristo" não pertencem mais a este mundo de pecado, mas foram ressuscitados para nos fazer assentar nos lugares celestiais" (2:6)


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!