As Escolas de Profetas do Antigo Testamento eram agremiações destinadas a congregar jovens crentes em torno dos profetas de Deus para treiná-los na lei divina e ensinar-lhes a ficar à disposição do Senhor, submissos, para o seu serviço. As escolas de profetas surgiram com Samuel e foram consolidadas pelos profetas Elias e Eliseu.
A missão do profeta de Deus era, basicamente, duas: expor os padrões da justiça de Deus nas esferas religiosa, política e social; e trazer da parte de Deus as verdades e doutrinas básicas das Escrituras. A mensagem do profeta era plena de autenticidade e autoridade divinas.
As duas categorias gerais da profecia são a proclamativa e a preditiva. O conteúdo da profecia proclamativa pode ser mensagens de exortação, admoestação, ânimo, estímulo, encorajamento... A profecia preditiva pode concernir a casos isolados (pessoa, cidade, nação etc) ou pode ser apocalíptica (futurista), podendo ser constituída de casos isolados ou encadeados em conjunto.
Quando estamos sendo informados sobre o nome de um lugar na Bíblia nós geralmente não perguntamos por que este lugar foi escolhido e não outro costumamos perguntar o que aconteceu neste lugar. Vamos falar sobre um lugar que é um dos símbolos da beleza de caráter o Monte Carmelo. A terra prometida e também o lugar em que a crença em Deus era tão clara significativa e profunda.
Quando estudamos a atividade profética na Bíblia Sagrada, encontramo-la manifestando-se em três aspectos distintos - A profecia como ministério permanente recebido de Deus no Antigo Testamento, em Israel, a profecia como um dom ministerial na Igreja e a profecia como dom espiritual na Igreja, na congregação. Vejamos...
Adulão significa Justiça do povo, refugio, esconderijo; é um complexo de cavernas que fica no vale de Elá. A caverna de Adulão foi um lugar de tratamento na vida de Davi.Mas poderíamos estar nos perguntando: O que Davi, um valente, o homem que derrotou o gigante Golias, o valente cantado pelas mulheres de Israel em suas musicas (Saul matou a mil e Davi aos Dez milhares), o que esse homem estava fazendo ali naquela caverna.
A Bíblia diz que todas as coisas foram feitas por Deus nos seis dias da criação. O homem foi obra das mãos de Deus no sexto dia, e ao sétimo dia o Senhor descansou. Ao contrário de todas as demais coisas, e animais, o homem foi dotado do poder de pensar, de raciocinar, de processar dados e informações. O homem detém o poder de escolher, ou livre-arbítrio, como diz a Bíblia. Se por um lado a alma nos faz aflitos, se alma não tivéssemos, a nossa vida não teria cor ou sabor, assim como não tem a da maioria dos seres vivos, que se preocupam somente em continuar simplesmente existindo.
Quem, em nossa era, estaria disposto a colocar-se frente a frente com uma alta autoridade e, de dedo em riste, dizer-lhe: “Não te é lícito beber e fumar para não dar mau exemplo aos jovens”. Qual o apóstolo, bispo ou profeta diria pessoalmente a um parlamentar “sanguessuga”: “O senhor desonrou o mandato popular e receberá o castigo divino. Arrependa-se e peça perdão a Deus e aos seus eleitores”. Quem? Qual o bispo, profeta, pastor ou apóstolo diria a um grupo de políticos: “Raça de víboras. O que vocês fazem na calada da noite, em orgias sexuais, adultério e em falcatruas os levará para o lago de fogo e enxofre”. João Batista foi além. Ele falou diretamente ao temível rei Herodes, que detinha plenos poderes para prender, torturar e matar. O rei, em pecado de adultério, não dava bom exemplo ao povo. Indignado, profeta vociferou
Parece que os crentes, em geral, utilizam essa expressão naqueles momentos em que surge uma forte ameaça espiritual ou física, situação em que o fiel a expressa, geralmente na forma de brado, buscando invocar um poder que seja capaz de garantir-lhe a completa vitória.
Alguns anos depois da crucificação de Jesus, os Romanos baniram esta forma de punição, por consideraram que era muito cruel. A cruz é um dos símbolos do Cristianismo. De acordo com a fé cristã, através da morte de Jesus na cruz e da ressurreição, todo aquele que crê pode obter a salvação e a vida eterna. A Cruz é mensagem central da nossa pregação. A morte do Cordeiro que tira o pecado do mundo deve ser a nossa proclamação. A Cruz de Cristo A Cruz é o ponto de encontro entre o homem pecador e o Deus Salvador. A cruz faz parte dos desígnios de Deus para a salvação do pecador. A cruz é poderosa e tem força de vitória. Sim, nela, temos salvação e vida. Quem nela permanecer terá a vida do Evangelho, a vida de Cristo neste mundo. No entanto, por causa de Cristo e sua morte na cruz, o significado da cruz hoje é completamente diferente. No Cristianismo, a cruz é a interseção do amor. Muitos se dizem cristãos, mas para ser um discípulo de Cristo, você deve conhecer o verdadeiro significado da cruz
A prática da confiança se faz a partir da primeira resposta aos apelos de Deus e às promessas da sua Palavra. Confiar em Deus significa olhar além do que podemos ver ou seja vê o que Deus vê. Ele se deleita em atender às nossas necessidades. Razões bíblicas que mostram que Deus te socorrerá? Não podemos confiar em alguém que não conhecemos e esse é o segredo de aprender a confiar em Deus. Quando as circunstâncias lhe fazem duvidar, a Bíblia mostra por que você pode confiar em Deus. Confiar em Deus é acreditar no Seu amor, é saber que a Sua vontade é o melhor para nós. Quando nós confiamos, entregamos nas Suas mãos. Confiar em Deus é a atitude mais acertada que um ser humano pode ter. Isto porque essa confiança nos dá segurança, alegria e força. Confiar em Deus é uma das maiores necessidades do ser humano nos dias de hoje. Em um mundo extremamente estressante e inseguro, colocar a confiança. Não podemos confiar em alguém que não conhecemos, e esse é o segredo de aprender a confiar em Deus. Confio plenamente em Deus e no plano que tem para mim, pois sei que Ele ... Tenha fé e confie na vontade de Deus, pois o que hoje parece impossível. Você anda inquieto e preocupado demais com as necessidades da vida?
Não Deixe Penina Matar Seus Sonhos Amados nós estamos cercados de Peninas tentando frustrar matar os sonhos de muitas Anas. Significado do Nome Penina. Tem origem no hebraico Peninnah, que quer dizer pedra preciosa. É nome de um personagem bíblico mencionado no livro de I Samuel no Antigo Testamento. Penina era uma das esposas de Elcana, pai de Samuel, e não se sentia tão amada como a outra esposa do marido Ana, a mãe de Samuel. Ana é uma personagem abençoada bíblica do Antigo Testamento, mencionada no livro de I Samuel como a mãe do profeta Samuel. Enquanto Penina tinha filhos, Ana era estéril. Todos os anos, quando Elcana e sua família iam peregrinar no templo de Deus em Siló. Penina provocava Ana humilhando-a por causa da esterilidade


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!