Deus pode arrepender-se? Se uma nação que está sendo abençoada se volta para o pecado, Deus irá condená-la a ser destruída. Se o povo desobediente se converte ao Senhor, ele o poupará da destruição. Isto não é vacilação por parte de Deus. Ele está simplesmente sendo fiel ao seu justo caráter.
A aspersão como forma de batismo foi sendo aceita por alguns chefes da igreja em casos excepcionais e, finalmente, chegou a ser uma prática largamente espalhada em algumas igrejas. Mas estas mutáveis tradições humanas não alteram a palavra de Deus. O único batismo que Deus autorizou para o perdão de nossos pecados é a imersão em água.
Se fosse impossível perder-se depois de ter sido salvo, então todas as advertências da Bíblia sobre a possibilidade de se perder a própria salvação seriam desnecessárias. De fato, não haveria necessidade de se preocupar com a tentação, resistir ao diabo ou estar vigilante para o retorno do Senhor.
Um ouvinte pode ser tocado pela pregação apocalíptica enquanto um outro, pela pregação de prosperidade. O que há então de errado em pregar que o Todo-Poderoso pode nos favorecer, na compra do carro zero, na vitória judicial, na promoção, no concurso e outras bênçãos conforme promessa feita à descendência do rico pai Abraão?
Hoje em dia, os feiticeiros estão presentes em inúmeros lugares: fantasiados nas ladeiras da cidade de Olinda durante o carnaval, nas telinhas das TVs e nos protestos globalizados pela paz mundial. A visibilidade deles se traduz como um novo status social – o da 'feitiçaria chique'!
As Escrituras não ensinam que os crentes do Antigo Testamento foram para o Hades e que Cristo desceu  ao inferno para libertá-los. Esses crentes foram estar com Deus após a sua morte, Sl 73: 23-24. Enquanto Cristo estava na terra, Elias e Moisés já estavam com Deus no céu, e não no Hades.
Biblicamente a felicidade passa pela língua. Ser feliz e ter uma vida boa, cheia de benção e promessas divinas depende unicamente de cada um de nós. Quem sabe não está na ora de você fechar sua boca? Controlar sua língua? Começar a lançar semente de bênçãos e colher frutos maravilhosos?
Um dos mais sérios erros dos defensores da 'teologia da prosperidade' é orientar seus seguidores a barganharem com Deus, como se uma oferta ou um dízimo fosse o suficiente para que Deus se tornasse nosso devedor. Muitos têm tratado estas e demais contribuições como 'investimentos', como um 'toma-lá-dá-cá', como se Deus se prendesse a gestos feitos pelos homens.
'Amou a maldição; ela o apanhe; Não quis a bênção; aparte-se dele. Vestiu-se de maldição como de uma túnica: penetre como água, no seu interior nos seus ossos, como azeite.'  Salmos 109:17-18
Deus não predestinou quais pessoas escolheriam cumprir a estas condições de salvação. Cada pessoa determina esta parte. O sangue de Cristo é adequado para salvar a todos e o apelo do evangelho é dirigido a todos. Deus quer que todos sejam salvos...
É impossível considerar a doutrina da predestinação sem darmos lugar ao entendimento das outras doutrinas, ou seja Preordenação, Predeterminação, Premonição, Eleição, Predestinação, e Chamada, são permutáveis ou sinônimas. Mas doutrinariamente cada uma destas palavras tem um significado diferente.