De acordo com a Bíblia, Jesus teve quatro irmãos e também algumas irmãs. Por causa do mito de que Maria foi uma virgem perpétua, foi inventada a teoria que estes 'irmãos' de Jesus são, de fato, apenas primos. Esta explicação é conveniente, mas contrária à evidência.
Alguns teólogos não acreditam na salvação de todas as crianças que partem para a eternidade sem terem maturidade para crer no Evangelho. Até mesmo os recém-nascidos podem ir para Inferno, caso morram nessa fase da vida. Outros teólogos, por sua vez, afirmam que existem crianças salvas e crianças perdidas, mesmo antes de nascerem, haja vista salvação e condenação decorrerem da eleição soberana de Deus... 
Nunca houve um momento que Deus não existisse. Ele era, é e será eternamente. Deus é imutável, não muda por nossa causa, mas nós devemos mudar para causa Dele.
O que é Batalha Espiritual? É simplesmente um confronto de palavras que acontece dentro da sua mente. Sugestões que o diabo trás, e palavras de poder que o Espírito de Deus também trás, para te levar a ter uma vida e vida com abundância.
‘A morte e a vida estão no poder da língua; o que bem a utiliza come do seu fruto’ (Pv 18.21)? Até o ímpio, se utilizar bem a sua língua, terá a vida e a morte em seu poder?
Homens de todas as tribos sempre gostaram de construir colossos, prédios, pontes, torres, arranha-céus, monumentos cada vez maiores. Sejam quais forem os objetivos, essas construções representam sinais exteriores de riqueza e poder, produto do orgulho e da vaidade.
"A auto-salvação, ou pelo valor pessoal, ou pelo arrependimento, ou por resolução própria, é a esperança inerente da natureza humana, e é muito difícil de ser extirpada".  C.H Spurgeon 
Existem milhares de religiões neste  mundo, e obviamente nem todas são certas. O próprio Jesus advertiu seus discípulos de que viriam falsos profetas usando Seu nome, e ensinando mentiras, para desviar as pessoas da verdade. Nós chamamos de seitas a essas religiões. Embora elas sejam muitas, possuem pelo menos cinco marcas em comum, vejamos...
É inegável o flagrante abuso do dom de línguas em nossos dias. Para alguns, o simples fato de possuírem o dom já os torna superiores ou mais espirituais que os demais. Todos os dons estão disponíveis para o Corpo de Cristo. Todavia, Deus os distribui conforme o Seu propósito. Cada membro recebe dons através dos quais será útil aos demais.
Para uns, o dom de línguas é imprescindível. Quem não o tem, é tachado de crente carnal, desprovido da presença do Espírito Santo. Para outros, tudo não passa de um mal-entendido. O tal dom teria sido distribuído apenas para a primeira geração de cristãos, e que, portanto, não estaria disponível hoje.
Jó era o homem mais rico do Oriente. Ninguém possuía tanto gado nem comandava tantos servos e servas. Suas terras sumiam no aquilão e, no austro, desapareciam. Um dia, porém, o diabo intentou afrontar o Senhor com uma provável fraqueza de Jó. Ainda que o demônio tente destruir nos, nada fará sem a expressa permissão do Todo-poderoso.
Alguém pode dizer 'Eu não quero ser igual a Deus' Será? Será que, se muitos conhecessem pessoalmente, tivesse a regalia que lucífer teve não intentaria o mesmo? Por outro lado quantos de nós traímos a Deus? Como? Quantas pessoas nós conhecemos que um dia fez uma aliança com Deus, Deus confiou a este o direito de uma vida nova, ceiaram na mesa do Senhor e hoje come no prato do inimigo?