Estudo Bíblico Louvor, Primícia e Primogenitura


Este título, me leva a meditar na grandeza de Deus, o quanto ele é bom, o quanto ele é maravilhoso para conosco, e o que ele quer de nós é tão pouco diante de tudo que ele nos concede, ele somente quer que o amemos com toda a força do nosso coração, que o obedeçamos, que sejamos fiéis a ele, que o amemos em espírito e em verdade, pois ele é espírito e é a verdade.

Que venhamos a ser fiéis a ti Senhor, que venhamos a te louvar, te entregar as nossas primícias e que venhamos a ser como o teu primogênito, pois a tua palavra diz: “Se atingirmos a plena unidade da fé e do conhecimento do teu filho, chegaremos a medida da estatura de Jesus Cristo (Ef. 4.13) .

• Sl 150.6 – Tudo quanto tem fôlego louve ao Senhor.
• Sl 71.8 - Minha boca está cheia do teu louvor.
• Tg 5.13b – Se estás alegre, cante louvores.
• Mt 21.16 – Nunca leste: pela boca dos meninos e das criancinhas de peito tiraste o perfeito louvor ?.
• Rm 11.16 – Se as primícias forem santas, também toda a massa será santa, se a raiz for santa também os ramos o serão.
• Pv 3.9-10 – Honra ao Senhor com teus bens e com as primícias de toda a tua renda, teus celeiros se encherão plenamente e teus lagares transbordarão.
• Gn 4.3-4 – E depois de certo tempo, Caim trouxe do fruto da terra uma oferta ao Senhor, e Abel também troxe dos primogênitos de suas ovelhas e de sua gordura, ora, o Senhor atentou para Abel e sua oferta.
• Nm 8.17 – Porque todo primogênito entre os filhos de Israel me pertence, dos homens e dos animais.
• Gn 25.28ª – E Isaque amava a Esaú ( seu primogênito)
• Lc 3.22 b – Tu és o meu filho amado, em ti me comprazo (Deus ama seu primogênito – Jesus)

Embasado nos versículos acima, conclui que em nossa vida, tanto dentro quanto fora da igreja, o louvor à Deus é peça fundamental, pois é neste momento como diz em: (2Rs 3.15), que a mão do Senhor vem sobre nós, é uma prova mais que real que verdadeiramente “ Deus habita entre os louvores” e é no momento do louvor verdadeiro que toda distração e incredulidade são afastados de nós, e neste momento nos tornamos pré-dispostos a receber a revelação da parte de Deus.

Uma coisa muito importante; é preciso também que a igreja participe dos louvores, pois Deus quer que abramos nossas bocas, a final de contas se estamos felizes é porque Deus em sua infinita misericórdia nos concede bênçãos sem medidas, por isso irmãos temos que agradecer e ser agradecido por tudo que Deus faz por nós, e é nestes momentos, com o coração cheio de alegria, que o crente se torna mais amoroso, mais amável e mais participativo da grande obra de ele nos entregou para fazermos, que é levar a sua palavra, levar as boas novas a toda a humanidade.

É neste momento que devemos dar o que temos de melhor para Deus, temos que dar as nossas primícias, pois ele nos deu a sua primícia (seu filho Jesus), ele nos deu o que ele tinha de melhor, e ele é detalhista em tudo que faz, e o que faz é o melhor para nos dar. Ele também nos capacita para fazermos o melhor para darmos a ele. Veja o que diz em: (Ex. 36.2) Moisés chamou Bezalel e Eoliabe, a a todo homem competente em cujo coração Deus tinha posto sabedoria, para assumir o trabalho e faze-lo, em (Ex 37.17-24) Se observarmos a forma que Deus mandou fazer o candelabro vemos que ele é detalhista em tudo o que faz e como já falei ele dá o que tem de melhor para nós, em (Jô 3.16) vemos que ele deu o que tinha de melhor para que fossemos salvos.

Irmãos, em (Gn 1.26 a ) Deus disse: façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança, devemos pelo menos ser semelhante em dar, dar o melhor de nós para Deus. Como posso dar o melhor de mim para Deus ? cultuando o nosso Deus, não somente nos dias de culto, mas nos dias em que em que houver, chegar pelo menos dez minutos antes do início para dobrar os joelhos e orar, ter reverência na casa de Deus, participar dos louvores, não participar de conversas paralelas durante a ministração da palavra, pois Deus está falando, confessar e abandonar os pecados, ficar na dispensação de Deus, obedecer e ser fiel da Deus, fazer o que diz em (Ml 3.10) trazer todos os dízimos à casa do tesouro, não fazer o que diz em (Ml 3.8) roubar nos dízimos e nas ofertas, pois com certeza se não fizermos isso, verdadeiramente vai acontecer o que diz em (Pv 3.10) Teus celeiros se encherão plenamente e teus lagares transbordarão, confiando e nos sujeitando a Deus, resistindo as tentações do diabo e ele fugirá de nós, veja que é satanás que foge e não nós.

Se obedecermos, louvarmos, exaltarmos o seu nome e dermos as nossa primícias, ele nos concederá os desejos do nosso coração, mas não esqueçam, ela dará, mas somente se for para a honra e gloria do seu nome, vejamos o que diz no (Sl 37.4 , deleita-te no Senhor e ele concederá os desejos do teu coração), o contexto diz que Deus em sua infinita bondade tem bençãos para nos entregar mas nós na nossa pequenez não temos o desejos de pedir, então Deus coloca em nosso coração o desejo de pedirmos, algo que ele já tem pronto para nos entregar. Ele prepara tudo de bom para nós, pai é assim.

Vejamos o que acontece em uma festa de aniversário:

1. O Pai prepara uma festa, prepara um banquete.
2. Convida para a festa pessoas que são importantes para o aniversariante.
3. O aniversariante ganha presentes.
4. Canta-se o parabéns.
5. O bolo é cortado,
6. O 1º pedaço do bolo é oferecido para a pessoa que é mais importante para o aniversariante.

E assim irmãos é que deve ser a vida de todos os crentes para com Deus, pois ele é Maravilhoso e sem ele não somos nem podemos nada, veja como ele faz:

• A festa representa a recepção que está preparada para nos receber na cidade de ouro, em Jerusalém celestial.
• O convite, Deus convida a todos para o arrependimento e abandono de todos os pecados, e virem a participar da grandiosa festa dos Salvos.
• O presente, Deus nos presenteia com o seu Filho “Jesus”, e consequentemente com bênçãos sem medida,recalcada, sacudida e transbordante.
• O parabéns, Deus nos parabeniza a todos que o receberam como “Salvador” cumpre todas as suas promessas. E nos exalta com o seu amor indescritível e imensurável.
• O bolo representa todas as promessas cumpridas em nossas vidas, representa tudo de bom que temos recebido de Deus.
• O bolo cortado representa tudo que recebemos de Deus e que será repartido a todos conforme a vontade de Deus, mediante o tamanho da nossa a nossa fé e do cumprimento da missão que recebemos.
• O pedaço do bolo representa parte de tudo que recebemos de Deus e que temos que lhe devolver em forma de dízimo e oferta.
• Não devemos jamais pensar em não participar desta grandiosa festa, pois Deus está aberto e receptivo para receber a todos que vierem.

E olha que dos 100% que Deus nos concede, devemos devolver somente 10%, e ainda assim sonegamos e não queremos dar o dízimo, ele nos concede 24 horas para desfrutarmos e não lhe devolvemos os dízimos destas horas em horas de orações, é quase sempre como Jesus disse em (Mt 26.40) Então nem uma hora pudestes vigiar comigo. As primícias tem que ser oferecidas ao Senhor, ele é o dono do ouro e da prata, nós não passamos de mordomos, nós cuidamos das coisas de Deus, nós cuidamos do que ele nos confiou, não somos donos de nada e a maior prova disso é que quando morremos não levamos nada.

Que venhamos a ser verdadeiros herdeiros da primogenitura de Deus, pois a biblia diz que todos os primogênitos lhes pertencem e a primogenitura nos dá:

1. Liderança na adoração a Deus, e na ausência do genitor a chefia da família é do primogênito
2. Dupla porção da herança paterna
3. Direito a benção do conserto.

Irmãos isto é muita coisa, vejam:
• Liderança: Isto quer dizer que Deus vai falar é contigo.
• Dupla porção: Isto quer dizer que 2/3 da herança paterna te pertencem.
• Benção do Conserto: Você receberá as mesmas bênçãos que Deus prometeu para Abraão.

E isto é totalmente o contrário que Esaú recebeu, pois desprezou a primogenitura que lhe pertencia, trocou algo tão importante por uma coisa efêmera, por uma coisa passageira, trocou a primogenitura por prazeres momentâneos. Não vigiou, perdeu a benção e esqueceu o que havia feito. E isto acontece costumeiramente com “Crentes” que deixam de vir para a igreja e ficam em casa assistindo novelas e por vezes em casa simplesmente sem fazer nada.

E quando acontece algo ruim, cai em si e diz: “se eu tivesse ido pra igreja nada disso teria acontecido”, e da mesma forma aconteceu com o Esaú, caiu em si, viu a besteira que havia feito, chorou amargamente, mas já era tarde, a escolha já havia sido feita

Irmãos, todos os dias temos que fazer escolhas, e se estivermos na presença de Deus ele cumprirá o que diz no (Sl 32.8-9), Eu te instruirei, e te ensinarei o caminho que deves seguir, e te aconselharei tendo-te sob a minha vista, não sejais como o cavalo nem como a mula que não tem entendimento, em cuja boca precisa de cabresto e de freio, pois de outra forma não se sujeitarão.

Que venhamos a ser crentes de batalhas e não de bancos de igreja, arregacemos as mangas, preguemos a palavra de Deus fora da igreja, façamos evangelismo, visitemos hospitais, prisões, pois a biblia diz que “as pedra irão clamar”, e isso está acontecendo, e nós estamos parados. As seitas estão ganhando terreno e “nós não estamos fazendo nada”, as testemunhas de Jeová estão indo de casa em casa e nós estamos nos conformando com os trabalhos internos da igreja, estamos nos esquecendo que é através de pregações, do nosso testemunho e do convencimento do Espírito Santo que almas serão resgatadas dos cárceres de satanás, é através da aceitação de Jesus como nosso único e suficiente salvador e Senhor e de um arrependimento e abandono verdadeiro dos pecados, é que o reino de satanás será saqueado e muitos serão resgatados do reino das trevas.

Devemos nos revestir de todo o poder de Deus, devemos cingir os nossos lombos com a verdade e nos revestir de todas as armaduras de Deus.
• Couraça da justiça
• Capacete da salvação
• Escudo da Fé
• Calçar o evangelho da Paz
• Empunhar a Espada do Espírito

Golpearmos de morte as hoste espirituais do mal nas regiões celestiais, saquear o inferno e definitivamente vencermos o mal, então no fim, no dia do julgamento quando formos perguntados se resgatamos vidas, possamos estar felizes e mostrarmos sem soberba, a grande quantidade de almas salvas através de nós, que possamos naquele dia fazer o que diz em ( Ex 23.15c) Não nos apresentarmos de mãos vazias.

Que a graça, que o favor imerecido do Nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo e a sua paz, esteja sobre todos nós.

Senhor que tu venhas conceder a salvação dos que estão próximos a morte ou mesmo mortos e a libertação de todos os cativos nos cárceres de satanás.

Amém.

Autor: Francisco das Chagas Freitas de Farias