Um Milagre Com Uma Mensagem


O milagre registrado em Marcos 2:1-12 ensina muito sobre Jesus e sua obra. Um paralítico foi levado para a casa cheia onde Jesus estava pregando. Seus amigos desceram-no através de um buraco no teto. O homem estava procurando cura para sua enfermidade física, mas Jesus ofereceu algo maior quando disse: "Filho, os teus pecados estão perdoados" (2:5). Esta simples afirmação causou a maior controvérsia, e deu a Jesus a oportunidade para ensinar algumas verdades importantes. Leia Marcos 2:1-12, e então considere estas conclusões:

1. Os judeus concluíram, com razão, que somente Deus poderia perdoar pecados (2:7). Nenhum humano tem o direito de absolver outro da culpa.

2. Jesus ligava seus milagres físicos a seu poder maior de curar espiritualmente. Ele não veio ao mundo para dar saúde e riqueza a todos os homens, mas para nos oferecer a salvação do pecado e a vida eterna. Curas físicas, que podiam ser vistas, provavam seu poder de curar o espírito, que não podia ser visto (2:10-12).

3. Jesus, por suas palavras e seus atos, proclamava ser Deus. Quando Jesus perdoava pecados, ele estava proclamando ser divino. Ele também proclamava sua existência eterna, o atributo que define a divindade (João 8:24, 58). Muitas vezes aceitou a adoração, que ele claramente compreendia que só Deus poderia aceitar (Mateus 4:10; 8:2; 9:18; João 9:38; Apocalipse 5:5-14).

Este mesmo Jesus ainda é divino. Ele ainda tem poder para perdoar pecados e para nos curar de nossas doenças espirituais. E este mesmo Jesus ainda merece nossa adoração.

|  Autor: Dennis Allan  |  Divulgação: estudosgospel.com.br |