Testemunhe os Feitos de Deus

Marcos 1.40-45


          Jesus foi abordado por um homem leproso. Este fica de joelhos e clama ao Senhor: “Se quiseres, podes purificar-me.”
         O Evangelho de Lucas nos conta ainda um outro detalhe, diz que aquele homem, estava coberto de lepra. Ele era visto como um miserável, excluído da sociedade. Era obrigado a ficar afastado da família. Este homem, coberto de lepra vislumbra a possibilidade de ver a sua vida mudar, e quebra todas as regras, indo em direção de Jesus para suplicar a sua cura.
         Jesus se compadeceu daquele homem e, quebrando a Lei, toca nele. E no mesmo instante ele foi curado. Jesus lhe advertiu que não falasse para ninguém e que se apresentasse ao Sacerdote. Mas quando ele saiu da presença de Jesus, ele saiu testemunhando a sua cura. O v.45 diz:
 
“Mas, tendo ele saído, entrou a propalar muitas coisas e a divulgar a notícia, a ponto de não mais poder Jesus entrar publicamente em qualquer cidade, mas permanecia fora, em lugares ermos; e de toda parte vinham ter com ele.”  Lucas 1.45

         Como pode alguém leproso, que foi curado totalmente, ficar calado? A nossa reação não seria  a mesma? Jesus pediu para que ele ficasse calado, e acho que é a coisa mais difícil que Jesus possa pedir a alguém.
         Em Mateus 9.27 – 31 narra a história de um outro milagre de Jesus. Dois cegos foram curados e Jesus os advertiu também para que não falassem, mas eles saíram contando a todos sobre a cura. Em Mc 7.31 – 36 foi a vez de surdo e gago que foi curado e Jesus também o proibiu de falar, mas a sua reação foi a mesma dos demais – testemunhar.
         O que aconteceria hoje, se começássemos a contar mais sobre o que Jesus tem feito por nós?
         Naquela época Jesus censurou aqueles homens, porque não teria espaço o suficiente para vir tantas multidões o tempo todo.  Não haveria logística para suportar o volume de pessoas que viriam a Jesus.  Mas hoje não temos este problema. Jesus, na pessoa do Espírito Santo opera no meio de sua Igreja em qualquer lugar simultaneamente. E não será que não deveríamos ter um fluxo grande de testemunhos sobre os feitos de Deus?
Existem pessoas que inconscientemente deixaram a ingratidão tomar conta de seus corações.  Deveríamos estar contando o que Deus está fazendo conosco.  Em Salmos 26.7 diz:
 
“para entoar, com voz alta, os louvores e proclamar as tuas maravilhas todas.”  Salmos 26.7

          É com voz alta que deveríamos testemunhar. Deveria ter filas de pessoas para falar não somente de milagres extraordinários, mas coisas do cotidiano que Deus conduz em nosso favor.   Existem muitos feitos de Deus que estamos calando. 
         Saia contando o que Deus lhe fez! Conte! Pois a fé de outros vai ser estimulada. Em Salmos 77.11 diz:
 
“Recordo os feitos do SENHOR, pois me lembro das tuas maravilhas da antiguidade.”  Salmos 77.11

         A Bíblia conta a história do rei Uzias. O texto de 2 Cr 26.5 diz:
 
“Propôs-se buscar a Deus nos  dias de Zacarias, que era sábio nas visões de Deus; nos dias em que buscou ao Senhor Deus o fez prosperar.”  2 Cr 26.5

         Mas o v.16 diz:
 
“Mas, havendo-se já fortificado, exaltou-se o seu coração para a sua própria ruína, e cometeu transgressões contra o Senhor, seu Deus, porque entrou no templo do Senhor para queimar incenso no altar do incenso.”  2 Cr 26.16

         Que não tenhamos memória falha. Que não esqueçamos do que Deus fez. Que o nosso coração não se exalte, como o do rei Uzias. Testemunhe! Fale para quantos puder! Anuncie a ação de Deus!

Autor: Pastor Jaime Soares


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!