Restauração Pessoal

Mateus 18: 15-20


"Então, se virou o SENHOR parti de e disse: Vai nessa tua força e livra Israel da mão dos midianitas; porventura, não te enviei eu?” juizes 6:14.

Introdução

Muitos deixam de experimentar crescimento integral porque, individualmente, alguns crentes não estão desfrutando de boa saúde emocional e espiritual. Embora as quedas e os insucessos da existência humana ensinem algo importante, que somos limitados, nem sempre a comunidade dos salvos compreende isso..

Todos conseguem ter uma visão realista da vida após reconhecer que possuem qualidades e defeitos. As vezes, as pessoas estão na igreja sem auto-estima. Vivem problemas terríveis, passam por decepções e ainda não encontram apoio no Corpo de Cristo.

O dicionário define auto-estima como a qualidade de quem se valoriza, se contenta com seu modo de ser e demonstra, conseqüentemente, confiança em seus atos e julgamentos. A pergunta que fazemos é: Como podemos contribuir para que nossos irmãos vivam melhor, sejam mais felizes?

I – APRENDA A ENXERGAR AS QUALIDADES DO PRÓXIMO

O texto de Juizes 4: 4-16 relata a história de Débora e Baraque. Débora era juíza em Israel. Ela viu as qualidades que existiam em Baraque e mandou chamá-lo para liderar uma batalha. Há muitas pessoas que têm muita capacidade para o trabalho e só precisam de incentivo.

Jesus foi o incentivador por excelência. Mesmo sabendo dos fracassos e da personalidade difícil de Pedro, Ele deu sérias responsabilidades a ele: “apascenta as minhas ovelhas”, Jo 21: 17. A despeito dos erros de Pedro, o Mestre via nele uma pessoa valiosa. Tudo isso porque olhou para além do exterior e focalizou o interior de um homem rude e iletrado. Assim, ele encontrou um coração inteiramente disposto a servi-lo. Sempre que puder, destaque as qualidades das pessoas que estão à sua volta.

II- AS PESSOAS SÃO RENOVADAS ATRAVÉS DE INCENTIVOS

a) Desperte o ânimo do desanimado. O incentivo é uma arma poderosa contra situações de desespero e fracasso. Se uma pessoa enfrenta inúmeros problemas e você diz para ela que a “vida realmente é difícil”, pode ter certeza de que acabou de empurrá-la mais para baixo ainda. Mas se conseguir despertar o sentimento de ânimo, você estará promovendo seu desenvolvimento e progresso humano e espiritual. Pv 27: 9.

b) Crie interesse no desinteressado. Há momentos na vida em que a seqüência de fatos negativos produz um enorme desinteresse por tudo. E como se a vida perdesse o sentido, como se o Cristianismo vitorioso fosse só para os outros, nunca para você. E nesses momentos que é fundamental criar interesse por novas questões da vida. A renovação interior mostrará que Deus tem poder para fazer aquilo que a pessoa não consegue fazer, Mc 10: 2 7.

c) Inflame a vontade de vencer de quem já desistiu. Agindo dessa forma é possível ajudar as pessoas a se levantar de suas quedas e fracassos. Errar é humano! Ajudar o próximo é ser cristão! Por isso, reacenda aquela disposição de espírito que incita alguém a atingir o fim proposto. Quantos sonhos deixados para trás. Você pode ser um instrumento para fazer com que uma pessoa volte acreditar que, com Jesus, é possível vencer, Hb 4: 14-16.

III – A IGREJA PRECISA SER A COMUNIDADE DE INCENTIVO

a) Palavras bíblicas esclarecem dúvidas. Há muitos cristãos que ainda não compreendem certas situações da vida. Uma palavra de incentivo servirá para mostrar que somos mais que vencedores, em Jesus, SI 119: 130.

b) Incentivo é como medicina. Salomão recebeu sabedoria de Deus e afirmou que “Palavras agradáveis são como favo de mel: doces para a alma e medicina para o corpo”, Pv 16: 24. A igreja deve atuar como comunidade terapêutica através da ministração da Palavra de Deus. Os desalentados receberão força, os doentes encontrarão cura e as almas serão saradas. Os resultados mostrarão uma membresia que compreende e pratica uma medicina espiritual. Como Corpo de Cristo, precisamos urgentemente aprender a incentivar-nos uns aos outros.

c) Você é parte do Corpo de Cristo. Se ninguém jamais lhe falou uma palavra de encorajamento, lembre-se de que as mudanças precisam começar em nós e através de nós! Portanto, comece a ser um incentivador. Converse com as pessoas sobre as qualidades que elas possuem e verá que elas também olharão seu potencial.

Conclusão
Na língua grega, a palavra animar vem da mesma raiz do vocábulo consolador, usado para o Espírito Santo, Jo 14: 26; 16: 8. Quando estimulamos os outros, estamos praticando uma ação bem próxima daquilo que faz o próprio Espírito. Uma palavra de estímulo pode ser um grande oásis em meio ao deserto da derrota, da desilusão, do fracasso. Depois de uma queda, não é fácil se levantar. Satanás continua tentando derrubar muitos cristãos, mas você pode ser um grande instrumento de Deus para incentivar as pessoas a continuar até a vitória final.

| Autor: Pr Josias Moura | Divulgação: estudosgospel.Com.BR |