Quatro Significados Para Tempo


Os dias talvez sejam iguais para um relógio, mas não para um homem. Marcel Proust

Falar sobre o tempo é algo transcendente porque a memória remete a um mundo de coisas procurando selecionar o que realmente importa relembrar. O tempo é, e quando percebemos, já foi! E o que foi no tempo, jamais volta! O tempo é descrito em fases ( e perfeitamente) no livro de Eclesiastes  3:1 “ Tudo tem o seu tempo determinado, e há tempo para todo propósito debaixo do céu”. É confortante saber que existe propósito na vida, que nada é vão. Isso também pode ser assustador para alguns que teimam em usar o tempo como uma arma, carregada, prestes a disparar. São os que vêm o tempo como inimigos e se “escondem” nas veredas de trevas  para que suas obras não sejam descobertas -João 3:19.Triste realidade que compromete a qualidade do tempo na terra  que  pranteia por tempo de paz.

Deus nos deu o tempo, esse que se mostra no relógio, em uma dimensão feita especialmente para nós. Tempo  para Deus está além de nossa compreensão: Mas, amados, não ignoreis uma coisa, que um dia para o Senhor é como mil anos, e mil anos como um dia - 2 Pedro 3:8. No livro de Apocalipse, a nova Jerusalém, morada eterna dos salvos, é descrita como um lugar onde não há noite: “ E as suas portas não se fecharão de dia, porque ali não haverá noite” Ap 21:25. Portanto, o tempo que vemos e contamos no “tica-tac” dos ponteiros, não corresponde ao tempo de Deus. Tenhamos fé e não percamos a paciência porque Deus tem o controle de absolutamente tudo, sem escapar uma aresta! “Pela paciência e consolação das Escrituras, tenhamos esperança”- Rm 15:4

Na Bíblia encontramos o tempo descrito em pelo menos quatro formas, no original grego:

- 'et
- Chronos
- mo'ed
- Kairos

'et:

“E haverá estabilidade nos Teus tempos ('et), abundância de salvação, sabedoria e ciência; e o temos do Senhor será o seu tesouro” Is 33:6

'et refere-se a épocas, ex: tempo ('et) de amores, de dores, de velhice, etc. No citado verso de Isaias, “et é o tempo da nova aliança, do Cristo ressuscitado que convida a todos para o Seu Reino.

Chronos:

“ E disse-lhes: não vos pertence saber os tempos (chronos), ou as estações (Kairos) que o pai estabeleceu pelo seu próprio poder” Atos 1:7. É de chronos que deriva a palavra “cronologia” refere-se ao tempo em sua extensão, medida. Ex: os 365 dias do ano são Chronos, se nesse ínterim aguardo por uma resposta de Deus, um acontecimento especifico, isso vai acontecer no tempo Kairos.

Kairos:

“Andai com sabedoria para com os que estão de fora, remindo o tempo (Kairos)” Cl 4:5. Kairos é tempo oportuno, designado, devido, diz respeito a qualidade do tempo. Reescrevendo o versículo de Colossenses com Kairos ficaria assim: “ Andai com sabedoria para com os que estão de fora, remindo o tempo oportuno”.

Mo'ed:

o radical é o verbo Ya'ad que significa “estabelecer ou fixar”. A primeira ocorrência de mo'ed é em Gênesis 1:14 ”Haja luminares na expansão dos céus, para haver separação entre dia e noite; e sejam eles para sinais e para tempos (mo'ed) determinados e para anos. Deus fixou mo'ed delimitando dia e noite. Mo'ed é também usado para designar as sete festas do Senhor na nação de Israel Lv 23:2. Todo o plano de Redenção nos é revelado na progressão das sete festas do calendário judaico: Páscoa, pães asmos, primícias, pentecostes, trombetas, dia de expiação e tabernáculos. Conclui-se que mo'ed se fixa de forma definitiva e previsível, é um tempo previsível.

Espero que esse breve estudo sobre o tempo tenha acrescentado algo a seu conhecimento e porque não dizer: a sua fé. Nós vivemos no chronos, aguardando e crendo no Kairos como começo de um novo(a) 'et (época) observando o mo'ed (calendário) que Deus estabeleceu para Israel e para Igreja e também para separação entre dias e noites. Vale lembrar que muitos vivemos tanto no chronos como no Kairos, porque o tempo de Deus chegou para ficar, marcando definitivamente nossas vidas.  

Sei que todas essas palavras em grego parecem complicar o assunto, contudo através delas podemos conhecer o que de modo superficial jamais conheceríamos.

E assim, estudando o tempo, aprendo que Deus organizou tudo de modo especial para seu povo, desde a antiguidade. Ele conhece nosso tempo e tem tudo bem anotadinho, assim como tem a conta dos pássaros (Lucas 12:6) e das nossas lágrimas (Salmo 56:8). Que nossa história  prossiga na eternidade, como resultado de um tempo que entregamos a Deus para ser regado e que nós em nossa pequenez soubemos bem aproveitar.

|  Autor: Wilma Rejane  |  Divulgação: estudosgospel.Com.BR |