Quando as Sagradas Escrituras nos conclamam - 'Alegrai-vos sempre no Senhor', é um Pai amoroso que pede a nós, Seus filhos, que confiemos e creiamos nEle, pois Ele criou algo que supera as nossas mais fantásticas expectativas.
Como podemos ter certeza sobre o que não vemos? Mas é exatamente assim que Moisés é ilustrado no verso: Permaneceu firme como quem vê aquele que é invisível .
Esse instrumento, representa  segurança, porque estabiliza embarcações em alto mar em tempos de tempestades. O verso de Hebreus nos diz que temos uma 'âncora da alma', ela se chama esperança, mas não é uma esperança vazia, ela está posta em Cristo Jesus.
Certo poeta descreveu essa cena da corça farejando água, sob a areia do deserto, do seguinte modo: 'Como suspira a corça pelas correntes das águas, assim, por ti, ó Deus, suspira a minha alma. A minha alma tem sede de Deus, ... ' (Salmos 42:1-2).
Segundo o relato do livro do Êxodo, durante os quarenta anos de peregrinação pelo deserto, o povo de Israel se alimentou de um pão especial, dado por Deus. Diariamente ele amanhecia sobre a superfície do deserto como se fosse uma geada sobre a terra (Êx 16:11-36).
'O reino dos céus é semelhante a um tesouro oculto no campo, o qual certo homem, tendo-o achado, escondeu. E, transbordante de alegria, vai, vende tudo o que tem e compra aquele campo. O reino dos céus é também semelhante a um que negocia e procura boas pérolas; e, tendo achado uma pérola de grande valor, vende tudo o que possui e a compra' (Mateus 13:44-46).
'Desci à casa do oleiro, e eis que ele estava entregue à sua obra sobre as rodas. Como o vaso que o oleiro fazia de barro se lhe estragou na mão, tornou a fazer dele outro vaso, segundo bem lhe pareceu. Então, veio a mim a palavra do SENHOR: Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel?' (Jeremias 18:3-6).
O fato é que todos continuaremos a enfrentar desencorajamentos nessa vida. Contudo, creio que se compreendermos a natureza da fé - a sua natureza ilógica e irracional, encontraremos a ajuda que precisamos para prosseguir.
Vamos analisar as razões que levaram Davi a fazer diferença na vida de Saul. Davi foi escolhido pelas seguintes razões: Sabia tocar, era forte, Valente, homem de guerra, sisudo em palavras, de boa aparência, e o Espírito do Senhor era com ele.
Então Elias se chegou a todo o povo, e disse: Até quando coxeareis entre dois pensamentos? Se o SENHOR é Deus, segui-o, e se Baal, segui-o. Porém o povo nada lhe respondeu.  1 Reis 18-21
Desde a primeira vez em que foi proclamada, a fé em Cristo traz consigo o sentido da obediência. Por isso nos deparamos com a indagação (e indignação) do Senhor Jesus: 'Por que não fazeis aquilo que eu mando?'  (Lc 6.46).
Todas as manhãs o sacerdote entrava no altar do sacriíicio e removia a cinza do altar e colocava a lenha em ordem. É preciso colocarmos a nossa vida em ordem todos os dias horas, minutos, segundos;  fazendo assim o fogo nunca se apagará.


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!