Uma das grandes questões que encara a igreja atualmente diz respeito à existência e natureza do inferno. O inferno está sob ataque, de fora da igreja e de dentro. A questão que cada um de nós deve responder é esta - O inferno existe? Ele é, como os cristãos têm declarado há tempos, um lugar de eterna e consciente punição, um lugar real para o qual pessoas reais irão por um tempo real e encararão a  real ira de um real Deus?
Qual a origem dos nossos pensamentos e quais deles podem nos prejudicar? São os pensamentos ou as circunstâncias que modelam a nossa vida? Como pensar os pensamentos de Deus? Se quisermos ter os pensamentos de Deus, nós devemos pensar Nele o tempo todo e assim perceberemos como Ele nos ajudará a reagir às provocações mundanas.
Anjos criados por Deus, que se rebelaram contra Ele, contra o criador, seguindo a Lúcifer e se tornaram anjos decaídos. Dentro de vários objetivos, os demônios levam o homem ao engano, a amar o mundo e seus prazeres pecaminosos, a distorcerem o evangelho e a mensagem da cruz, e a oporem-se a Cristo e a sua doutrina.
Ezequiel 38-1 profetizou sobre a vinda de um terrível rei, Gogue, da terra de Magogue, para opor o povo restaurado de Deus. Os capítulos 38 e 39 descrevem a preparação dos exércitos que apoiaram Gogue, o seu ataque contra o povo de Deus e a sua repentina derrota por Deus. As nações que iam participar com Gogue na batalha representam diversos povos gentios. É interessante notar que a maioria desses nomes vem de Gênesis 10, das listas de descendentes de Jafé e Cam.
Não bastaria derrotar Golias! Davi tinha que pagar o dote. Mical não seria apenas um prêmio, mas uma conquista de amor. Igualmente, não bastaria o que Jesus fez durante Seu ministério, Seus ensinos, Seus milagres. Sem a Cruz, seríamos apenas um prêmio em reconhecimento por Seu desempenho aqui na terra. Cristo não pechinchou conosco! Não ofereceu contraproposta. Em vez disso, pagou o mais alto preço que alguém poderia pagar: Sua própria vida. Talvez por isso, Paulo se refira a isso como a 'loucura de Deus'. Seria isto uma loucura de amor?
Ética é a ciência que nos ensina sobre o que somos obrigados a fazer, o que somos permitidos fazer e o que somos proibidos de fazer. Em suma, é a ciência que trata dos nossos deveres para com Deus, para com o próximo e para conosco mesmos. Apliquemos esses princípios no campo espiritual relacionado com o culto divino realizado no templo, ou seja onde for, e teremos um culto cristão de qualidade.
Convenção também é igreja e pastor também é crente! Dias desses ouvi um pregador dizer que convenção de pastores não é igreja. Depois de uns volteios retóricos, esse tal pregoeiro fez uma pausa, e arrematou - 'Para mim, convenção não passa de uma mera entidade paraeclesiástica'. Confesso que essa declaração deixou-me bastante preocupado. Se convenção não é igreja, o que é então? Um sindicato? Um grêmio? Ou um clube?
Há momentos em nossas vidas que as adversidades e a tribulação são maiores que as nossas forças. A palavra de Deus nos revela Sete Prisões que o inimigo intentará para derrotar o crente. Em contrapartida, a Bíblia também diz que há Três Remédios de Deus para curar e nos libertar dessas prisões. Vamos avivar o nosso espírito de sabedoria, abrir nossos olhos espirituais, para que nosso coração seja iluminado e com isso, possamos sair fortalecidos, encorajados, animados e curados como verdadeiros vencedores de Cristo!.
Nós não conseguimos passar um dia sem ouvir maldades praticadas pelo ser humano e , embora nem todas sejam partes da nossa comunidade imediata, são uma experiência comum para toda a raça humana. Portanto nós começamos com a questão do papel de Deus nisso tudo. E nós somos trazidos a esse dilema. Se Deus existe, se Deus é bom e não tem prazer no mal, e se Deus é poderoso o suficiente para mudar as coisas, por que o mal ainda existe?
Quero compartilhar com você a mensagem desta visão, a visão dos ossos secos. O significado da visão era que aquele povo amargurado, sofrido no campo de refugiados, abatidos até a morte, experimentando a vida na cova, como se estivessem no túmulo, iguaizinhos àqueles ossos secos no vale... o significado era - 'Eu, o Senhor, eu posso trazer aos ossos secos, vida novamente!' Até mesmo sobre ossos secos, sem ligaduras nem carne, Deus pode trazer vida! Se você se viu naquele vale de ossos secos, eu quero, como servo de Deus, profetizar vida na sua vida...
Reparem na riqueza de detalhes desta mensagem, e das suas similaridades com situações vivenciadas em nossos dias. Os necessitados pedem socorro e ajuda, mas o líder nunca pode atendê-los, sempre ocupado em reuniões para tratar dos 'negócios', ou desfrutando do conforto e privilégios de suas riquezas injustas. Com certeza, como foi nos dias de Amós, Deus julgará os que na atualidade rejeitam a advertência do Senhor, e escolhem viver conforme as suas próprias concupiscências.
Assim que entrou no jardim, viu o cajado. Logo, observou que o nome de Deus estava entalhado na madeira em sua ponta. Soube imediatamente que pertencia a seu povo. Segurou-o e, ao usar o Nome Divino, a poderosa força o possuiu e o cajado passou a ser parte do corpo de Moisés. Na mão de Moisés o cajado cumpriu a tarefa que lhe fora destinada, conforme a vontade de Deus: ajudou Moisés e Aarão a salvar o seu povo da escravidão do Egito. Foi com este cajado nas mãos que Moisés, seguindo a ordem de Deus, realizou os milagres no Egito perante o Faraó e os filhos de Israel.