Aqueles que amam apenas a si são egoístas, apenas ao próximo não passam de filantropistas, e apenas a Deus são fanáticos. O tripé das obrigações cristãs passa pelo crivo do amor-ágape, no sacrifício de Cristo pelos homens, modelo para os Seus discípulos em relação aos outros.
Preso e vigiado, Pedro estava com os pés e as mãos amarras. Não havia nada que pudesse fazer. Assim como aconteceu com Pedro, quando achamos que está tudo perdido, Deus entra com sua ação poderosa nos livrando de todo mal. Quando não podemos fazer nada, Deus pode fazer tudo!
Jovens são importantes em qualquer lugar e, no Reino de Deus, eles têm um lugar especial reservado para si. Vamos aprender algumas lições úteis e práticas que vão nos ajudar a enfrentar e vencer as dificuldades da vida, a partir de hoje? Ótimo, vem comigo!
O tempo é um recurso muito limitado e precisa ser muito bem administrado. Alguém já afirmou que tempo perdido não se recupera, visto que, para recuperar o tempo que se perdeu, você acaba perdendo um tempo que poderia ser investido em novas realizações. Remir o tempo, conforme Efésios 5.16, significa literalmente - aproveite bem as oportunidades e evite a ociosidade.
O profeta Isaías descreve o reinado do Messias como um abrigo, um lugar de refugio para dias de calor, frio, chuvas e tempestades. É uma metáfora sobre viver amparado pela graça Divina que sempre é suficiente para suprir as insuficiências humanas.
Algumas pessoas chegaram até Jesus depois de lavar as redes muitas vezes, esforçando-se para se sentirem satisfeitas espiritualmente, por ações baseadas na natureza humana. Mas a pesca só aconteceu quando deram ouvidos ao Evangelho, largaram a velha vida, as redes remendadas e foram navegar com Jesus dentro do barco.
Abraão foi justificado por obras de mérito, recebendo o salário justo por suas obras? Não! Deus aceitou a fé dele no lugar de perfeita justiça. Assim Abraão recebeu o favor, a graça de Deus, e não recebeu um salário devido por serviço prestado ao Senhor.
Eis que vêm dias, diz o SENHOR Deus, em que enviarei fome sobre a terra, não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor. Essa profecia abrange três tempos - Passado, presente e futuro.
O jejum que realmente agrada a Deus é aquele feito com um coração sincero, por uma pessoa que teve sua vida transformada pelo poder da Palavra e, desta forma, tem ações e comportamento dignos da atenção e do cuidado de Deus. Não é para o ato do jejum em si que o Senhor está olhando, mas para o coração daquele que jejua.
A história do centurião de Cafarnaum é bastante conhecida, não apenas no meio evangélico, mas em todo o mundo, cristão ou não. Por uma boa razão - é um exemplo prático de fé e como ela deve ser praticada. Assim, peço que me acompanhe nessa agradável caminhada na qual vamos tentar abordar que lições esse anônimo famoso tem a nos ensinar sobre fé, amizade, confiança, humildade e autoconhecimento. Vem comigo.
A arrogância causa muitos males ao ser humano, mas essa nem sempre é percebida, isso porque o orgulhoso não atenta para a sua condição. Por outro lado, a humildade, uma das principais virtudes cristãs, precisa ser cultivada, contrapondo a altivez de espírito. Na aula de hoje, com base no livro de Provérbios, bem como em outros textos bíblicos, faremos um estudo comparativo entre esses dois comportamentos.
No Jardim do Éden Deus plantou árvores frutíferas e outras duas árvores. A vontade de Deus era que o homem se alimentasse da Árvore da Vida para que vivesse eternamente, por isso deu uma ordem ao homem - 'De toda árvore do jardim comerás livremente, mas da árvore do conhecimento do bem e do mal não comerás; porque, no dia em que dela comeres, certamente morrerás.' O homem em Adão está vivo para o mundo, mas morto para Deus, sua alma vivente perecerá. Mas, se estiver em Cristo tem o espírito vivificante e vida eterna.


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!