O Grande Exército de Deus


“Portanto, tomai toda a armadura de Deus, para que possais resistir no dia mau e, havendo feito tudo, ficar firmes. Estai, pois, firmes, tendo cingidos os vossos lombos com a verdade, e vestidos a couraça da justiça, e calçados os pés na preparação do evangelho da paz; tomando sobretudo o escudo da fé, com o qual podereis apagar todos os dardos inflamados do maligno. Tomai também o capacete da salvação e a espada do Espírito, que é a palavra de Deus, orando em todo tempo com toda oração e súplica no Espírito e vigiando nisso com toda perseverança e súplica por todos os santos...” (Ef 6.13-18).

O texto acima é uma recomendação do apóstolo Paulo aos cristãos para que estejam revestidos com toda a armadura de Deus. Em tempos de lutas, adversidades, enganos, falsidades, o revestimento com toda armadura de Deus se faz necessário. Há uma luta espiritual sendo travada neste momento final da Igreja na terra. Fortalecer no Senhor é necessário para a guerra e sofrimento espiritual. Ser forte “no Senhor” implica que a fonte da nossa força está em nosso relacionamento com Cristo. Não se trata de mero fortalecimento físico ou intelectual, mas fortalecimento “no Senhor e na força do seu poder” (Ef 6.10).

Como venceremos nossos inimigos se não estivermos revestidos de toda armadura de Deus? Para todo cristão Deus tem providenciado este equipamento e é direito nosso vesti-lo. O cristão deve apropriar-se conscientemente do poder que o Senhor tem colocado à sua disposição. Revestir-se de toda a armadura de Deus é recomendação divina para vencermos inimigos espirituais que nos cercam por todos os lados objetivando levar-nos ao total fracasso. Somente equipados com as armas que o Senhor tem colocado à nossa disposição, é que estaremos aptos para a vitória. Não temos outra opção.

A carta de Paulo aos efésios, fala sobre a vida cristã prática. A partir do capítulo 6 e versículo 10, o andar do cristão é descrito como uma batalha, um conflito mortal no qual ele está alistado contra o poder de Satanás e suas hostes. A caminhada cristã é uma guerra, um conflito constante, assim sendo, o crente deve está preparado, equipado para lutar e vencer. Sem esta armadura de Deus, o cristão fica impossibilitado de vencer e permanecer firme. Paulo enfatiza a responsabilidade do crente em tomar o equipamento espiritual que Deus coloca à sua disposição, para que possa está firme e resistir no dia mau.

Temos inimigos espirituais, e estes tentam nos destruir a todo custo. Estamos envolvidos num conflito espiritual em que se luta com armas espirituais. Este conflito espiritual é descrito por Paulo como “o combate da fé” (1Tm 1.18; 6.12; ARA). Sendo, pois, um conflito espiritual, deve-se lutar com armas espirituais. Paulo diz: “Porque as armas da nossa milícia não são carnais, mas, sim, poderosas em Deus, para a destruição de fortalezas; destruindo os conselhos e toda altivez que se levanta contra o conhecimento de Deus, e levando cativo todo entendimento à obediência de Cristo” (2Co 10.4,5). Além disso, precisamos está em constante oração, meditação na Palavra de Deus e vida na plenitude do Espírito. Os cristãos possuem poder divino para destruição de fortalezas. Essas fortalezas se caracterizam como: sistemas, esquemas, estruturas e estratégias que Satanás maquina para frustrar e obstruir o progresso do evangelho de Cristo na terra.

Nesse conflito espiritual, estamos a lutar contra Satanás e suas hostes (Ef 6.12), os desejos devassos, depravados que são peculiares à natureza decaída do homem ( Gl 5.16,17; 1Pe 2.11), os prazeres ímpios deste século presente e todo tipo de tentações (Mt 13.22; Tg 1.14,15; 1Jo 2.16).

A recomendação bíblica é importante e necessária. O revestimento de toda armadura de Deus em tempos de sutilezas, enganos e conflitos espirituais se constitui em necessidade primária para o povo de Deus, haja vista, o espírito do erro está em plena operação nesse tempo que precede o arrebatamento da Igreja do Senhor Jesus. É tempo de está alerta, tenhamos cuidado e estejamos revestidos com “toda a armadura de Deus para que possamos está firmes contra as astutas ciladas do diabo” e “resistir no dia mau”.

Que o Eterno Deus, cuide de cada um de nós, em Jesus Cristo.

| Autor: Pr. Nonato Souza | Divulgação: EstudosGospel.Com.BR |


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!