Mistério Revelado


Entrar dentro do coração do Pai e senti-lo, e ouvi-lo e conhecer a amplitude e dimensão do seu amor por nós. Entender, compreender seus mistérios, seus segredos, que já não são segredos ?nunca foram- mas que agora, podemos contemplá-los, porque estão escancarados aos servos, discípulos, àqueles que verdadeiramente andam com Ele.

Os séculos se passaram desde a primeira vinda de Jesus, e pelas escrituras podemos ver o que aconteceu e foi vivenciado e ensinado no passado por Jesus, 'não se repete', mas vejo uma previsão do que acontece hoje no mundo terreno. Se ele já conhecia você, se já me conhecia sabia exatamente como a humanidade estaria agindo na idade Contemporânea como intitula a história. Hoje vi uma entrevista com uma atriz muito famosa, apenas peguei um trecho de uma resposta que ela dizia: -'Não vejo um Deus misericordioso olhando a volta, vejo um Deus egoísta, mesquinho. Mas precisamos acreditar em alguma coisa, em uma espiritualidade.'

Com todo o Sacrifício de Jesus, com tudo o que ocorreu, ela ainda- como muitos- não consegue ver a misericórdia de Deus, não consegue ouvi-la e nem senti-la... A verdade está revelado os mistérios de Deus estão revelados, mas os que andam com Cristo, não podem ver, os que não busca Cristo, não podem ouvir ou compreende-lo (Jo 14:6)

Jesus falava muito através de parábolas em (MC. 4:34; Lc 8:9,10; Mt. 13:11,13) 'E com muitas parábolas tais lhe dirigia a palavra, segundo o que podia compreender. E sem parábolas nunca lhe falava contudo declarava em particular a seus discípulos.' Muitos precisavam ouvir, mas não compreendia a palavra viva. A verdade, o verbo, o caminho, a luz, o consolador, estava perante eles, mas não enxergavam não o compreendiam. Mas aos seus discípulos, se revelava, porque andava com ele, porque eram seus amigos, seus filhos amados. Contudo, vê-se que muitos dos seus discípulos não o compreendiam muito, eles conheciam a verdade, andavam com a verdade, mas será que ela estava pregada em seus corações? Será que se esforçavam para enxergar os mistérios do Reino de Deus?

No momento em que Jesus mais precisava, eles fugiram. ?Então, deixando-o, todos fugiram.? Ainda vemos Pedro que negou três vezes, (Mc. 14:66-72, Mt. 26:69-75, Lc. 22:54-62, Jo 18:16-27), apesar de também vermos o quanto cristo estava ?pregado? nas suas ações, nos seus atos, no seu falar: 'E logo depois, aproximando-se os que ali estavam, disseram a Pedro: Verdadeiramente, também tu és deles, pois tua fala te denuncia' (Mt. 26:73)

A verdade estavam com eles, mais ainda não havia espaço em seus corações para se manifestarem.

'O mistério que esteve oculto desde todos os séculos e em todas as gerações e que agora, foi manifesto a seus santos.' (Cl. 1:26)

Que mistério? Qual é o mistério do Reino de Deus?

'Aos quais Deus fez conhecer quais são as riquezas da glória deste mistério entre os gentios, que este Cristo em vós, esperança da glória' (Cl. 1:27).

'Para que os corações sejam consolados e estejam unidos em amor e enriquecimentos da plenitude da inteligência do conhecimento do Mistério de Deus-Cristo.'

Cristo é o mistério de Deus... Cristo é o mistério do reino de deus, Cristo é a esperança da glória.

Então, o mistério está revelado, Cristo está revelado, agora, para aquele que se dispor em conhece-lo.

Veja só:
Várias vezes, me indaguei em relação ao porque de tantas histórias na bíblia, imaginava admirada: -Puxa! Naquela época já havia ?uma mulher adúltera, um discípulo covarde, que o negou, cegos, coxos endemoninhados, enfermos crônicos como a mulher do fluxo de sangue... não conseguia assimilar estas 'historinhas', como muitos de nós só vê o drama que realmente envolve as histórias.

Contudo, vai bem além, se analisarmos veremos que todas essas pessoas que foram todas e transformadas por Jesus, era eu... era você... era a humanidade hoje.

Quando ele não deixou que apedrejasse a mulher adúltera 'sem defesa, mas sem acusação- ele estava dizendo, que mesmo um povo adúltero, ele não acusa e oferece seu perdão. Mesmo se pedíssemos nossos bens e o deixássemos, e chegássemos as comer com os porcos, sujos, imundos, se voltarmos para ele, nos recebera com festa e coloca em nosso dedo um anel, como únicos, filhos. Se vemos nossa 'vida escorrendo', como um fluxo de sangue, sem esperança, sem graça, sem saber o que fazer, mas se não olharmos para a multidão e insistentemente conseguirmos tocar nas suas vestes.. seremos curados... Se somos cegos e clamarmos o nome dEle: 'Filho de Davi tenha compaixão de mim.' Ele nos ouve e nos fará enxergar. Se com a prostituição, desolação do nosso corpo desejamos o materialismo, posses... mas se renunciarmos e jogarmos tudo em seus pés, arrependidos, Ele não nos expulsará de nossa presença, mas receberá e honrará nosso nome.

Na verdade, Jesus esteve falando o tempo de nós, mesmo a tanto tempo atrás.

E por fim, (ou por início) quando Ele foi pregado com pregos tão espessos em uma cruz tão pesada como aquela, acredito que Ele desejaria estar sendo pregado no coração de cada discípulo, de cada pessoa que acompanhava crucificação... nos nossos corações. E como uma verdadeira obra de arte, esculpido o nome dEle.

Ele desejou que o conhecêssemos desde o início. Ele que exalássemos os eu perfume, falasse como Ele fala, amasse a Ele como Ele nos ama, honrássemos a herança dEle, que é nossa herança, zelássemos do seu campo, tocássemos nEle diariamente. E quando Ele olhasse pra dentro do nosso coração, visse que ocupa o maior espaço.

Que fiquem com um deus egoísta e mesquinho, sem sentimentos, já que preferem acreditar em um deus assim.

Eu creio no Deus Vivo, Rei, Cristo, Amor, Justiça, Paz, Alimento, Perfume, Vida..... minha vida.

|  Autor: Junylia Dias Marques  |  Divulgação: estudosgospel.com.br |