Estudo Bíblico Uma Chance Apenas


Tema: “Considera, pois, agora, e vê o que hás de fazer, porque o mal já está de todo determinado contra o nosso amo e contra toda a sua casa, e ele é um homem vil, que não há quem lhe possa falar. (1 Samuel 25:17)”

Introdução: Um mal iminente pode ser evitado? O que você faria: se recebesse uma noticia de que em poucas horas ou minutos apenas, toda sua família seria assassinada. Você fugiria? Você ficaria e lutaria bravamente em defesa da sua casa? Ou você choraria, por ser a única coisa que resta a fazer, pois, afinal se o mal vem não é sem motivo! No tocante ao motivo realmente houve um, aquela família havia cometido uma grande injustiça para com um exercito de seiscentos homens, isto é; pelo pai de família daquela casa, ou seja, o homem que deveria cuidar das almas que Deus o havia confiado, ágil com loucura e colocou a si mesmo e toda sua família na mira da espada da vingança. Mas, Fiel é Deus que não deixará que morramos sem antes nos dar a oportunidade de livramento ainda que seja, uma única chance. Amados acompanhem agora o que Deus fez através de uma mulher que souber: ouvir, enxergar, avaliar, se apressar e se calar.

• A CAUSA DO MAL

O texto sagrado nos revela que havia um homem rico e poderoso cujo nome é Nabal, este tinha três mil ovelhas e mil cabras, todavia, mesmo tendo a benção das riquezas, lhe faltava à benção da sabedoria, pois, era duro e maligno nas obras (1Samuel cap 25 v 2-3). E por lhe faltar sabedoria que é coisa principal na vida de alguém (Proverbios cap 4 v 7), este homem colocou tudo a perder inclusive a sua vida e de todos de sua casa, no momento negou a Davi alimento para ele e seus homens. Porquanto Davi estava com seu exercito de uns seiscentos homens convivendo dia-a-dia ao lado dos pastores de Nabal, entretanto, nunca lhes roubaram uma única ovelha e pelo contrario, ainda lhes servia de muro de proteção aos pastores de Nabal no caso de ataque de salteadores (ladrões). Como Nabal veio cometer tamanho pecado? Quero abrir um parêntese nesta mensagem para que você tenha uma impressão mais próxima do que pretendo lhe expressar: Um homem que é incapaz de tomar conhecimento de quem era Davi em sua época se tratando de uma época de guerras e de heróis. Davi era um herói nacional para os israelitas, pois, era conhecido como matador de gigante, matador de urso e de leão, era conhecido como o protetor de Israel por não perder batalha para seus inimigos, pois, Deus o SENHOR era com Davi e o fazia vencedor (1Samuel cap 17 v 4-7; 34-37; 47-51; cap 18 v 7; 27-30). Não notar Davi em sua época seria o mesmo que um brasileiro na atualidade não fizesse caso do ex-presidente Lula, também seria o mesmo que um cubano não fizesse caso de Che Guevara e Fidel Castro e ainda que nós brasileiros ou cubanos não soubéssemos a histórias destes homens amenos devemos saber seus nomes. E por não saber nada de Davi, este Nabal presumiu que Davi fosse um escravo fujão, com isto; respondeu aos homens de Davi que não daria da suas ovelhas aqueles que não conhecem e muito menos ainda a um escravo fujão. O fato é que Nabal foi uma vergonha para seus antepassados, pois, diz o texto que ele era da casa de Calebe um herói da fé que junto com Josué foram os únicos que acreditaram que Israel venceria os gigantes da terra de Canaã (Numeros cap 13 v 27-33; cap 14 v 6-9; Josué cap 14 v 6-13). Como que um homem que veio da linhagem de um herói (Calebe), não valorizaria os heróis do seu povo? Com isto meus irmãos eu chamo a sua atenção para o maior de todos os heróis e Este herói Foi, É e sempre será o Maior herói de todos os que crêem, a saber: Jesus o Filho de Deus. Mas existe uma questão que não pode se calar: Até quando você vai desprezar o Filho de Deus? Até quando você não tomará conhecimento Dele, visto que milhares de pessoas no mundo inteiro já o conhecem. Até quando não faremos caso dos inumeráveis milagres que foram feitos por Ele e ainda são? Até quando não se dobraremos diante de seu amor por nós, reconhecendo nossa condição de pecadores e com fé o aceitemos bem como seu sacrifício para nos salvar da maior das punições, a saber: A morte eterna.

• A ESPADA DA VINGANÇA

O mau estava a caminho da casa de Nabal, como resultado de seus pecados, isto por desprezar os acontecimentos de sua época, visto que; só conseguia enxergar seu umbigo. Também pelo fato de ter respondido mau aos soldados de Davi, e por lhes negar pão em hora oportuna (1 Samuel cap 25 v 4;8), visto que no momento da tosa das ovelhas sempre se matavam cordeiros para os empregados, sendo assim, algumas  ovelhas a mais para servir um exercito que lhes trouxe proteção não lhe traria prejuízo algum; visto que era justo. Amados, o que Nabal fez foi o mesmo que negar um prato de comida a alguém chegasse a sua casa na hora da refeição.

Davi sobe para as propriedades de Nabal e jura diante de Deus e de seus soldados que até ao amanhecer tudo que este homem possui será destruído, e não poupara nenhuma criança deste homem vil (1Samuel cap 25 v 13; 21-22). E agora amados leitores! Como impedir a Davi de tamanha mortandade a um homem que segundo nos revela o texto Sagrado foi omisso, imprudente, mesquinho e faltoso de entendimento. Com certeza o coração de Davi estava solido em sua vingança, mas Deus que é Riquíssimo em Misericórdia e o único capaz de fazer o coração de um homem voltar a traz em seus intentos (1 Reis cap 18 v 37), estendeu a sua mão a Nabal fazendo com que a sua mulher, uma sabia mulher tomasse conhecimento dos fatos que se seguiam, e foi exatamente isto; que o SENHOR fez.   

• UMA CHANCE APENAS

Um servo de Nabal correu, e trouxe a noticia a Abigail, mas não trouxe uma noticia sem pé e nem cabeça; tal como: Abigail vamos todos morrer! Não, pois, tal servo era conhecedor dos fatos era homem de caráter capaz de avaliar entre o certo e o errado. Porquanto disse: Os soldados de Davi vieram aqui e foram destratados, todavia, estes homens são bons, e nuca sofremos agravo nenhum por eles, e nada nos faltou todos os dias que estiveram conosco nos campos antes pelo contrario eles nos serviam de muros contra os bandidos em volta (1Samuel cap 25 v 14-17). Quando o servo de Nabal disse que nada lhes faltou, isto é; ele dizia que nenhuma ovelha ou cabra sumiu do rebanho de Nabal, e este fato não poderia deixar de ser observado, pois, um rebanho tão grande diante de um exército era uma tentação constante e se porventura, sumisse uma só ovelha ou cabra do rebanho, os pastores seriam penalizado por serem os responsáveis e pagaria pelo prejuízo. Isto mostra, que quando um líder é de boa índole tal qual Davi, os seus liderados os seguem. Entretanto disse o servo a Abigail: O mal já está de todo determinado contra nosso amo e contra toda a sua casa; e disse ainda: Considera agora, vê o que se há de fazer, e lembre-se o nosso patrão é homem vil, ou seja, não ouve a ninguém. Então Abigail se apressou (1Samuel cap 25 v 18).

Deus colocou nas mãos de Abigail uma única chance de livramento, e esta sábia mulher soube fazer bom uso desta oportunidade. O incrível é que vemos inumeráveis pessoas desprezarem as centenas de chance de Salvação em Jesus Cristo o Filho de Deus, e isto falo: através de convites pessoais, por meio de rádios e televisão, por meio de folhetos entregues diariamente, através de jornais e revista, estampados na internet, enfim em todos os lugares encontramos pessoas como Nabal incapazes de enxergar a Salvação em Deus Jesus, pois, só conseguem olhar para si: minhas ovelhas, minhas cabras, minhas terras, meus carros, minhas casas, minha previdência privada etc. Mas assim como Davi veio trazer vingança a casa de Nabal, Deus o Pai trará vingança a toda a humanidade que desprezaram ao seu Filho Jesus o Cristo (Isaias cap 61 v 2; cap 63 v 4; Hebreu cap 10 v 30). Mas diferente de nós Abigail teve uma única chance e por valorizar esta chance ela se apressou.

• APRESSA-TE

Quando falamos de perigo de morte, o que definirá a vida da pessoa em questão, tal como afogamento, queda, atropelamento e tantos outros, será a urgência do socorro. Pois, se os espectadores só olharem e não ligarem para o resgate a pessoa está perdendo tempo precioso de vida, e se houver alguém presente que seja capaz (apto), para prestar os primeiros socorros ou imobilizar a vitima, mas não o fizer por achar que vai dar tempo do resgate chegar, este tal é passivo de ser condenado se a pessoa vier morrer. Agora eu pergunto: Se o servo que foi capaz de avaliar tudo que estava acontecendo, isto falo; avaliou Davi e seus soldados, avaliou o mau comportamento de seu amo e entendeu que Davi não deixaria tais atitudes sem resposta. Se tal servo ficasse calado e não se apressasse falando a sabia mulher Abigail; ele estaria livre da culpa? Ainda que aos olhos de alguém o servo fosse inocente, todavia, não aos olhos de Deus o Juiz Infalível. Mas o servo não êxitou, e fez tudo o que deveria fazer relatando a esposa de Nabal todos os fatos e deixando claro: O mal já está vindo; ou seja, apressa-te. E você vai ficar ai parado! Perdendo tempos preciosos sem a companhia de Deus Jesus. Apressa-te, toma conhecimento destes fatos, queira saber pelas Escrituras Sagradas quem Ele é não despreze seus feitos e nem seu Nome, pois, é o Único que traz Salvação (Atos cap 4 v 12), nem queiras ignora o juízo de Deus que em breve virá para todos os homens (Salmos cap 1 v 5; Lucas cap 11 v 32; Hebreus cap 9 v 27)

• AS VIRTUDES DE ABIGAIL

- Ouvir

 A capacidade de ouvir as pessoas é uma das virtudes de Abigail, pois, qual mulher se daria o luxo de ouvir, tais palavras e não desprezá-las visto; que vinha de um serviçal que em suas palavras chamava seu marido de vil. O ouvir é diferente de escutar, às vezes somos obrigados a escutar coisas que não produz edificação. E o que fazemos neste caso? Simplesmente não damos ouvidos, ou seja, não nos importamos, não damos atenção e fazemos bom uso do dito popular que diz: entra por um ouvido e sai e pelo outro. Já o ouvir é dar a devida atenção às palavras daquele que traz a noticia seja lá quem for. Outro importante aspecto do ouvir é a demonstração de humildade, pois, só da ouvido os que reconhecem que não são donos da razão e nem são donos da verdade, e que sabem que nem sempre serão os primeiro a saber das coisas e nem detém exclusividade alguma em revelações e noticias. Pois, bem disse o proverbista: “Ensina o sábio e ele se fará mais sábio ainda” (Proverbios cap 9 v 9), pois, as previas instruções que Abigail recebeu de um sábio servo, só veio aumentar sua sabedoria em tomar sua decisão. 

- Visão

A capacidade de enxergar é outra virtude de Abigail, pois, viu o mal que estava vindo diante de sua casa. Quero chamar sua atenção em algumas perguntas:

• Você consegue ver o mal que está vindo a sua frente?
• Você consegue ver o mal que tem causado a si mesmo e a outros?
• Você consegue ver as conseqüências após sua atitude, seja esta precipitada ou não?
• Você consegue tomar uma decisão apressadamente?

No caso do marido de Abigail, ele não conseguia ver um palmo a sua frente, pois, o egoísmo faz isto com as pessoas; as impedem-nas de ver, enxergar que uma simples ação, ou um pequeno gesto, poderá livrá-lo de conseqüências mortais. Mas, graças a Deus pela vida de Abigail que tinha visão, que não só enxergou o perigo de uma chacina em sua casa, mais, soube ver a saída daquele desastre, e ainda viu nas palavras do sábio servo que o livramento e salvação precisariam estar ocultos aos olhos de seu marido.

- Atitude

A capacidade de tomar decisão é outra virtude de Abigail, sendo que, para se tomar qualquer atitude se faz necessário; avaliar tudo que se ouve e tudo que se vê, pois, diz: “Examinai tudo e retende o bem” (1Tessalonissenses cap 5 v 21). Abigail pesou rapidamente as palavras do servo na balança, e conhecedora como ninguém de quem era seu marido, sabia que maltratar estranhos e forasteiros eram uma das virtudes malignas de Nabal. E ainda que ela não visse o exército de Davi ela tinha conhecimento de que tal exército estava por perto e que em breve estaria às portas de sua casa, então rapidamente Abigail: “Tomou duzentos pães, e dois odres de vinho, e cinco ovelhas guisadas, e cinco medidas de trigo tostado, e cem cachos de passas, e duzentas pastas de figos passados, e os pôs sobre jumentos” (1 Samuel cap 25 v 18). Ao olharmos para os presentes que Abigail tomou das suas riquezas e foi em direção ao exército de Davi, é fácil de calcular que aqueles alimentos eram apenas para alguns dias, pois, se tratava de seiscentos soldados. Então como pode tão pouco alimento aplacar a ira de Davi? O que conta aqui não é o quanto se dá, mas na atitude de dar daquilo que está em seu poder. Abigail não podia chamar atenção de seu marido, logo, esta sabia mulher pegou tudo que lhe cabia em suas mãos, para não causar suspeitas.  Queridos é preciso olhar para atitude desta mulher e nos convertermos de nossos pecados de não darmos a Deus tudo o que temos em mãos, pois, o SENHOR não quer menos do que isto! Para tanto observem a analise do Salvador Jesus ao dizer da pobre viúva que lançou sobre a arca do tesouro duas pequenas moedas que valiam meio centavos; disse Jesus: “Em verdade vos digo que esta pobre viúva deitou mais do que todos os que deitaram na arca do tesouro. Porque todos ali deitaram do que lhes sobejava, mas esta, da sua pobreza, deitou tudo o que tinha todo o seu sustento.” (Marcos cap 12 v 41-44). Logo não é o quanto se dar, mas a atitude de dar, atitude de emprestar, atitude de ajudar, atitude de socorrer, atitude de investir, atitude de estender a mão, atitude amar, atitude de perdoar, atitude de sorrir (...). Qual tem sido a sua atitude?

- Humildade

Dentre tantas virtudes de Abigail esta mulher foi humilde, ou seja, foi capaz de se humilhar diante de alguém em busca de socorro e perdão. E mesmo não sendo a chefe de sua família e jamais seria naquela época, todavia, esta mulher com toda humildade tomou para esta responsabilidade ainda que por um momento! E assumiu o erro de seu marido diante de Davi; observem: “Apressando se humilhou diante de Davi com o rosto em terra, ou seja, não teve a petulância de encarar Davi nos olhos, pois, reconhecia o tamanho do pecado de seu marido. E logo a seguir, esta mulher se lança aos pés de Davi e lhe diz: Minha seja a transgressão do meu marido, da permissão a sua serva falar e ouve as palavras de tua serva.” (1Samuel cap 25 v 23-25). O fato de esta mulher ser uma dama em sua época e seu marido um homem rico e poderoso; não lhe deram o direito de agir de outra forma. Por quê? Por causa da humildade que habitava em seu coração, e o primeiro sinal de humildade se revelou no momento que ela ouviu as palavras do servo e bem como seus sábios conselhos “O seu marido é vil e não escuta ninguém guarde segredo, em suas ações”. 

Queridos existem casos e não são poucos que somente a humildade e a humilhação de uma pessoa serão capazes de apagar a ira a cólera e o furor no coração de outra, pois este é o remédio contra o mal iminente. Pois uma pessoa decidida a fazer o mal e a vingar-se de alguém, não ira parar enquanto não enxergar verdadeira humilhação, submissão e verdadeiro arrependimento na vida daquele que se tornou seu adversário. Mas a verdadeira humildade, a verdadeira humilhação e o sincero arrependimento não se podem medir com simples palavras, mas com ações e com atitudes. Tornemos a olhar para Abigail: colocou o rosto em terra, se lançou aos pés de Davi, reconheceu o erro ao dizer: minha seja a culpa, e acima disto demonstrou que não veio ali fazer média, mas trouxe presentes (pão, vinho, trigo, ovelhas etc), ou seja, repare o erro que cometeu; não pense você que só pedir perdão está bom, cadê as suas ações reparadoras! Cadê os presentes? (1samuel cap 25 v 27)

- Conselho

E disse Abigail a Davi: “O SENHOR hoje te impediu de derramares sangue, e de que a tua mão te salvasse. E quando o SENHOR fizer conforme a todo o bem que já tem falado de ti, e te estabelecer por príncipe sobre Israel. Então este sangue que derramaste sem causa não te será por tropeço, nem por pesar no coração, e nem tampouco por ter se vingado a si mesmo; e quando o SENHOR fizer bem a ti, lembra-te então da tua serva” (1 Samuel 25 v 26; 30-31). O conselho de Abigail veio do coração de Deus para o seu servo Davi, pois, o SENHOR é justo juiz e ainda que Davi fosse seu escolhido, para ser o futuro rei de Israel, Ele (Deus) não o deixaria sem punição por haver derramado o sangue de inocentes. Ou pensas tu que Deus está omisso e alheio as injustiças e ao sangue de inocentes derramado no mundo inteiro? Porquanto diz: “Deus há de trazer a juízo toda a obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau” (Eclesiastes cap 12 v 14; Romanos cap 1 v 18). As sabias palavras que saíram dos lábios de Abigail, não só trouxe preservação das vidas que se achavam em sua casa, mas também impediu que Davi viesse sofre um dano futuro das mãos de Deus contra si e contra seu exército por causa do sangue inocente derramado. Outro aspecto a ser observado é; o conselho sempre será visto com freqüência nos lábios daqueles que como Abigail e também Davi sabem escutar. Pois diz: “Todo o homem seja pronto para ouvir, tardio para falar, tardio para se irar” (Tiago cap 1 v 19). Pois todos os que sabem ouvir no momento oportuno terão algo a dizer, e todo aquele que não se precipitarem em sua fala se evitará que se cometam erros e os que não são motivado pela ira, nem pela vingança; sempre terão uma visão clara dos fatos e saberão tomar a decisão que agrade a Deus o SENHOR.

Conclusão:

Deus é Bom e as suas Misericórdias são as causas de não sermos consumidos, e a sua Fidelidade para conosco homens pecadores é tão grande que não será exagero nos compararmos a Nabal, pois, assim como ele foi egoísta nós também muitas vezes, assim como ele não dava ouvido a ninguém nos também muitas vezes, assim como ele não valorizava a historia de outros nos também muitas vezes, assim como ele não sabia medir as conseqüência dos seus atos nos também muitas vezes. Então por que ainda estamos vivos e conosco a nossa família? Porque assim como Deus enviou sua misericórdia a Nabal, de modo que sua mulher assumiu a sua culpa se humilhando a busca do livramento e do perdão. Deus o Pai com Amor Eterno nos amou e por causa deste Amor Ele não enviou uma mulher para interceder por nós e nem tão pouco enviou homem algum, antes fez o que jamais pensaríamos ou imaginaríamos Ele enviou seu próprio Filho para ser humilhado, blasfemado, espancado e para morrer por nós pagando assim o mais alto preço dos nossos pecados “Pois todos pecaram” (João cap 3 v 16-18; Romanos cap 3 v 23-26). Hora queridos vedes quão grande é o Amor de Deus por nós visto que; o Salvador Jesus após sua morte e ressurreição subiu ao céu, assentou-se a direita de Deus o Pai e exatamente agora está intercedendo por mim e por você. (Romanos cap 8 v 34). Portanto queridos, atentemo-nos para estas coisas, consideremo-nas, e nos apressemos, pois, a nossa urgência é a garantia de vida “Se tu não te apressasses e não me viesse ao encontro não ficaria vivo da casa de Nabal nem um menino” ( 1 Samuel 25 v 34)

Autor: Ev. Eli Hudson
Via: www.estudosgospel.com.br

Ev. Eli Hudson
Ev. Eli Hudson é casado pai de três filhos; tem exercido o Ministério Pastoral na Igreja Assembléia de Deus M. Perus; foi o pioneiro na fundação do trabalho no Bairro do Pretória (Bairro carente na periferia da cidade), Franco da Rocha - SP pela Igreja que responde, seu exercício no ministério é marcado pela pregação e ensino isto; nas Igrejas, nas Rádios, nas Praças, nos Presídios e atualmente na Radio Nova Estação (comunitária), na freqüência 87,5 FM das 15:00 as 16:00 horas ou por meio do Site: www.radioestacaofm.com.br
Também, está envolvidos em projetos Sociaias na Entidade Filantropica Azarias Ceifa o qual exerce a função de conselheiro Fiscal.

 
E-mail: This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.
This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.