Normalmente quando nos referimos a este acontecido costumamos dizer a tentação de Jesus, mas se aprofundarmos no texto, veremos que a tentação na verdade se desdobra em três tentações. A primeira tentação estava relacionada a quebra de princípios e queda moral, todavia, a segunda está relacionada a própria vida, o que sutilmente satanás sugere aqui é nada menos que Jesus atentasse contra a sua própria vida, ou seja, suicídio mesmo e a terceira talvez seja a mais sutil das tentações. Afinal quem não quer ser bem sucedido na vida, honrado e reconhecido. E a palavra deixa clara que satanás também tem a sua gloria, vimos quantas coisas ele prometeu para Jesus em troca da adoração, misericordia!
sangue vermelho de JESUS, Pelo Sangue Renascer Praise, O Sangue de JESUS, Segundo olavo o sangue vermelho de JESUS, O CORDAO VERMELHO, O manto vermelho as marcas de JESUS, sangue vermelho escuro, A mulher do fluxo de sangue, VERDADES DO PODER NO SANGUE DE JESUS, Qual é o significado do sangue de Cristo?, O poder do Sangue de JESUS, As 5 Bênçãos advindas do Sangue de JESUS, clamando o Sangue de JESUS sobre você, O precioso sangue de JESUS, Poder e Alcance do Sangue de JESUS, Vitória pelo Sangue de JESUS, E o sangue de JESUS nos purifica de todo pecado
Podemos dizer sem medo de errar, que um caminho eficiente para chegarmos ao sucesso, é seguirmos a receita de Davi, ou seja, andarmos segundo o coração de Deus e fazer tudo o que for da vontade do Senhor.
Nós vivemos em uma cultura que nos manda seguir nossos corações. O Senhor diz - 'Obedeça e seu coração acompanhará'. A glória do Evangelho é que Deus nos dá poder para fazer o que não sentimos vontade de fazer. Quando se trata de seguir ao Senhor, na maior parte das vezes, os sentimentos seguirão a obediência. Não siga seu coração. Não espere até que você sinta desejo ou esteja a fim. Pelo poder do Espírito, obedeça a Deus e confie que os sentimentos seguirão.
A gratidão faz parte da vida do servo de Deus. Devemos mostrar a gratidão para com outros homens, mas o foco deste artigo é a nossa gratidão para com Deus. Cada cristão foi resgatado pelo amor de Deus manifestado na cruz de Cristo. A nossa gratidão nos motivará a adorar a Deus, viver por ele, e divulgar a boa nova para todos ao nosso redor. Ele merece isso, e muito mais!
Qual seria a relação entre uma figueira amaldiçoada e a vida de fé, cheia de frutos, que o Senhor espera que tenhamos? Tal como aquela figueira, muitos de nós conseguem impressionar e convencer à primeira vista. É bem verdade que folhas verdes são belas e dão boa impressão. Mas, para Deus, isso não basta. Não devemos ser apenas figueiras com folhas. Temos que ir além da aparência, temos que ter compromisso e conteúdo – temos que ser figueiras com frutos!
Quando Jesus ensinava as multidões, muitas vezes fazia uso de parábolas para citar fatos e situações que aconteciam naquela época. E, naquela época, assim como hoje, existiam três classes de pessoas, árvores que encontramos dentro e fora das igrejas...  Reflita consigo mesmo - qual árvore você está sendo? Que tipo de pessoa você é? Quais frutos Jesus encontrará em seus ramos?
O orvalho que desce sobre as alturas do Monte Hermon rega toda a terra, alimentando inclusive o Rio Jordão, principal fonte de água na região. O orvalho é enviado do céu como um refrigério para a terra, tornando-a tão fértil que floresce e frutifica o ano inteiro. Assim é a união entre os irmãos - funciona como um bálsamo, desfazendo a contenda, os ânimos, as paixões carnais. A união é como o orvalho que prepara a igreja para frutificar em boas obras, modificando o mundo...
Se não quer correr riscos e comer o melhor desta terra, o melhor a fazer é abrir o coração para o Senhor Jesus. Muitas vezes adiamos e vamos protelando para deixar a vida de pecados que tanto nos envolve. Pensamos que o que estamos fazendo é o melhor para nossas vidas, mas, em verdade, estamos apenas comendo migalhas em vez das finas iguarias que o Rei dos reis tem colocado à nossa disposição.
Há 2000 anos, quando os anjos anunciaram o nascimento de Jesus nos campos de Belém, esse acontecimento trouxe alegria. Alegria em diversos sentidos - alegria pela salvação do poço da desesperança. Alegria pela saída da prisão do pecado. Alegria pela libertação da escravidão e das amarras. A maior alegria da nossa vida deve ser agradecer a Deus por aquilo que Ele é, fez e ainda faz. Quando o fizermos, veremos que isso nos traz a mais profunda satisfação.
Todos os dias Deus envia presentes do céu para cada um de nós. Alguns reconhecem que tudo provêm do favor Divino, os bens mais preciosos que de tão acostumados que estamos com eles, sequer lembramos de agradecer - o ar que respiramos, a brisa que balança as folhas das árvores, os sorrisos que atravessam nossos caminhos. Imploramos por milagres, coisas grandiosas e sobrenaturais, enquanto isso o sobrenatural milagre do amor e da gratidão está distante...