Esboço Perseverando Enquanto Ora

1Sm 1.10-19


Introdução

Quando nós como justos decidimos orar é inevitável o derramar de bênçãos do Senhor sobre nossas vidas. Nós como justos passamos a ter um tratamento preferencial pelo fato de sermos filhos e não bastardos (Mt 15.26; Tg 5.16; Hb 12.8). Neste caso de forma especial olharemos para Ana, a mãe de Samuel e eu creio que extrairemos tesouros da vida desta virtuosa mulher de fé e oração.

1 Os Inimigos da Oração:

a) Duvida na oração – Tg 1.6-8
b) Esmorecimento na Oração – Gl 5.7
c) Retroceder na Oração – Nm 4.10

2 Os Efeitos da Oração:

a) Dos duvidosos – Mt 14.30-31 – o medo de Pedro ao ver as Ondas do mar...
b) Dos Tímidos – Mc 4.39-41 – As tempestades não devem nos assustar em nada...
c) Dos Esmorecidos – Gl 5.7 – não se deixe fraquejar na luta, seja decidido e lute...
d) Dos Perseverantes – 1Sm 1.10-19; Mt 15.22-28 – Ana e a mulher nananéia...
e) Dos que são Mais que vencedores – Lc 21-26; Ef 6.18; Jó 27.10...

3 Perseverança ou Morte – Uma questão de fé...(Dn 3.16-18).

a) Qual a melhor opção – para podemos ir com segurança
b) Se for preciso eraremos com lágrimas
c) Seguiremos o exemplo a oração de Ester
d) Mergulharemos na oração de Ana, e navegaremos em suas lágrimas
e) Saiba por tanto que Deus sempre ouve a nossa oração e muito mais quando ela é movida com lágrimas...

4 Conclusão:

Ore sem parar.
Ore por sua família, por seus parentes, por seus vizinhos....
Ore por seu patrão, por seu emprego e não reclame...
Ore por sua vida e pela vida de sua família...
Ore sem ver barreiras, ore com o coração e com a alma dilatada a Deus...
Procure sentir o calor das suas lágrimas e as ofereça a Deus enquanto ora e saiba que o Deus eterno lhe dará infinitamente mais do que possais pensar... para o louvor de sua eterna glória.
|  Autor: Pastor Gesiel Melo  |  Divulgação: estudosgospel.com.br |