Esboço A Liberdade Humana e Seus Limites

Gn.1.15-17


Introdução: Deus criou um paraíso e colocou nele o homem.

1- A liberdade humana - “De toda árvore do jardim comerás livremente”.
Deus colocou muitas árvores frutíferas à disposição do homem, representando tudo o que Deus nos dá para o nosso deleite.

2 - O limite - “mas da árvore do conhecimento do bem e do mal não comerás”.
Não existe liberdade absoluta. O homem precisa, desde criança, conhecer os seus limites.

A árvore proibida representa aquilo que pertence a Deus, ou aquilo que pertence ao próximo, ou aquilo que nos prejudicaria de alguma forma. O que Deus nos dá é muito mais do que aquilo que ele nos nega, pede ou proíbe.

3 - Limites protetores - “no dia em que dela comeres, certamente morrerás”. As proibições divinas têm o propósito de nos proteger. Não são opressoras mas funcionam como cerca na beira no abismo.

Conclusão: Usufruamos de tudo o que Deus nos dá e respeitemos os limites que ele estabeleceu (Pv.22.28).
 
Autor:  Anísio Renato


Receba Estudos Biblicos todos os dias!
Cadastre-se seu e-mail! É Grátis
     Digite seu Email Abaixo
Emails Cadastrados

OBS: Não esqueça de confirmar seu email em seguida!